Iramaia: Lider do MST na Bahia é morto na frente de filho de 6 anos - Itiruçu Notícias
Arrow
Vídeo sobre a leucemina

Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Opinião: O primeiro discurso da ministra do STF em 2018

Na sessão solene que marcou a abertura do Ano Judiciário de 2018, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, disse na manhã desta quinta-feira, 1, que é ”inadmissível e inaceitável desacatar a Justiça” e que sem ”Justiça não há paz”. ”Pode-se ser favorável ou desfavorável à decisão judicial pela qual se aplica o direito. Pode-se buscar reformar a decisão judicial, pelos meios legais, pelos juízos competentes. É inadmissível e inaceitável desacatar a justiça, agravá-la ou agredi-la. Justiça individual fora do Direito não é justiça, senão vingança ou ato de força pessoal”, discursou Cármen. ”Sem liberdade, não há democracia. Sem responsabilidade, não há ordem. Sem justiça, não há paz”, completou a presidente do STF... CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Iramaia: Lider do MST na Bahia é morto na frente de filho de 6 anos

Por: Itiruçu Notícias - - quinta-feira, 25 de janeiro de 2018 - 0 Comentários

"Sua morte provoca tristeza e até revolta... Marcinho será sempre uma inspiração", diz Jaques Wagner


Uma das lideranças do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) na Bahia, Marcio Oliveira Matos, 33, foi assassinado a tiros na frente do filho de 6 anos na noite desta quarta-feira (24), em Iramaia, na Chapada Diamantina.
Segundo o MST, o crime ocorreu no início da noite, quando dois homens chegaram na porta da casa do líder dos sem terra em uma moto e o chamaram, já recebendo-o com tiros. Os criminosos não foram identificados.
A cena, de acordo com o coordenador estadual do MST na Bahia, Evanildo Costa, foi presenciada pelo filho de 6 anos, única pessoa em companhia de Márcio na casa no momento do crime – o sem terra estava separado há quase um ano.
Márcio, que ocupava o cargo de secretário de Administração da Prefeitura de Itaetê, cidade da Chapada governada pelo petista Valdes Brito, morava no Projeto Assentamento Boa Sorte, que existe há mais de dez anos na zona rural de Iramaia. 
O corpo de Márcio Matos foi levado para o Departamento de Polícia Técnica de Jequié e será sepultado em Vitória da Conquista. O velório e sepultamento ainda não tem data marcada.
O secretário de Desenvolvimento Econômico Jaques Wagner lamentou hoje a morte de Márcio Matos, conhecido como Marcinho do MST, ocorrida ontem (24) em Iramaia, no interior do estado. "Era uma jovem liderança, sempre atuou em defesa dos menos assistidos e fará muita falta. Sua morte provoca tristeza e até revolta. Mas também nos fortalece para prosseguir com na luta pela justiça social. Marcinho será sempre uma inspiração", disse o ex-governador da Bahia. "Aos familiares, amigos e companheiros de luta, deixo um abraço carinhoso, desejando que tenham forças para superar este momento difícil", completou.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

ENQUETE
Você votaria em quem para presidente?

Álvaro Dias (Podemos)
Ciro Gomes (PDT)
Cristovam Buarque (PPS)
Eymael (PSDC)
Fernando Collor (PTC)
Geraldo Alckmin (PSDB)
Jair Bolsonaro (PSC-RJ)
João Amoêdo (Novo)
Levy Fidelix (PRTB)
Lula da Silva (PT)
Manuela D'Ávila (PC do B)
Marina Silva (Rede)
Valéria Monteiro (PMN)
Outro
Nenhum