Palocci denuncia Lula e fala de pacto de sangue com empresário - Itiruçu Notícias
Arrow
Campeonato Brasileiro Serie C - Juazeirense x Remo Ao Vivo

Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Palocci denuncia Lula e fala de pacto de sangue com empresário

Por: Redação Itiruçu Notícias - quinta-feira, 7 de setembro de 2017 - 0 Comentários


Em quase duas horas de depoimento, o ex-ministro Antônio Palocci não só se incriminou e assumiu todos os crimes de que era acusado no processo, como também confirmou a participação de Lula nas negociatas.
Palocci apresentou explicações para os pagamentos de propina  que não eram detalhadas na denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal.
Ele disse que, durante o governo Lula, as relações da Odebrecht com o ex-presidente e o PT sempre foram no “fio do bigode”. Mas que, em 2010, com a candidatura de Dilma os donos da empreiteira ficaram preocupados pelo risco de perder o favorecimento em contratos públicos e aceleraram a retribuição de favores ao ex-presidente. Isso porque Dilma tinha liderado o processo que tirou a Odebrecht da construção de uma das usinas hidrelétricas do rio Madeira e essa medida fez a empreiteira desconfiar que a situação não seria tão fácil em um governo dela, de acordo com Palocci. O ex-ministro afirmou que, nesse momento, Emílio Odebrecht, o patriarca da empreiteira, fez uma “espécie de pacto de sangue” com o ex-presidente Lula.

“Quando Dilma foi tomar posse, a empresa entrou num certo pânico e foi nesse momento que o doutor Emílio Odebrecht fez uma espécie de pacto de sangue com o presidente Lula”, afirmou Palocci.
Ele disse que, com essa preocupação, a empreiteira priorizou para Lula um pacote de propinas – o sítio de Atibaia, o apartamento de São Bernardo e a futura sede do Instituto Lula. “Também disse ao Lula que tinha à disposição dele R$ 300 milhões para fazer suas atividades”, afirmou Palocci. “No dia seguinte, Lula me chama no Palácio do Alvorada e me conta dessa reunião”, acrescentou
Preso desde setembro do ano passado, o ex-ministro não tinha admitido nenhum crime em outro processo no qual foi condenado pelo juiz Sérgio Moro a 12 anos de prisão. Mas mudou de estratégia. Em casos de confissão, a legislação permite que a pena do réu seja diminuída em até dois terços, o que aliviaria o tempo total de prisão de Palocci.

O  advogado  d Lula Cristiano Zanin Martins disse que Palocci muda depoimento em busca de delação.
"O depoimento de Palocci é contraditório com outros depoimentos de testemunhas, réus, delatores da Odebrecht e com as provas apresentadas. Preso e sob pressão, Palocci negocia com o MP acordo de delação que exige que se justifiquem acusações falsas e sem provas contra Lula. Como Léo Pinheiro e Delcídio, Palocci repete papel de validar, sem provas, as acusações do MP para obter redução de pena." revelou o advogado


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif