Otto Alencar defende Jaques Wagner de acusações de corrupção - Itiruçu Notícias
Arrow
Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Otto Alencar defende Jaques Wagner de acusações de corrupção

Por: Redação Itiruçu Notícias - terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 - 0 Comentários

A investigação, segundo o senador, foi ferir a honra de um ex-governador



Em pronunciamento nesta terça-feira (27), o senador Otto Alencar (PSD-BA) classificou como grande injustiça a operação da Polícia Federal que teve como alvo o ex-governador Jaques Wagner. Segundo o senador, tanto o Tribunal de Contas da União quanto o Ministério Público Federal fiscalizaram corretamente as obras do estádio da Fonte Nova, destinado à Copa do Mundo de 2014, e consideraram regular a captação de recursos para o empreendimento.
"Uma obra de R$ 600 milhões tem uma acusação leviana, descabida, de que o ex-governador Jaques Wagner tenha ficado com R$ 82 milhões. Mas não apareceu mala como apareceu em outras ações, não apareceu nenhuma prova. O que apareceu, na verdade, foi uma coisa direcionada" afirmou o senador.
Além de salientar a falta de provas de corrupção de Jaques Wagner, Otto Alencar acrescentou que a operação da Polícia Federal teria sido irregularmente antecipada aos meios de comunicação. O objetivo verdadeiro da investigação, segundo o senador, foi ferir a honra de um ex-governador que gozou de elevada popularidade em seus mandatos e elegeu seu sucessor com facilidade.
Fonte Agência Senado


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif