Ex-fuzileiro naval mata três policiais nos Estados Unidos - Itiruçu Notícias
Arrow
Cores da Saúde: Julho Amarelo alerta sobre câncer nos ossos



Passeio Cicloturismo de Itiruçu


EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Ex-fuzileiro naval mata três policiais nos Estados Unidos

Por: Itiruçu Notícias - domingo, 17 de julho de 2016 - 0 Comentários


Três policiais foram mortos e três ficaram feridos – um deles gravemente, em razão de um tiroteio hoje (17) em Baton Rouge, capital de Louisiana, nos Estados Unidos. O atirador, identificado como Gavin Longo, ex-fuzileiro naval, foi morto a tiros pela polícia.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, condenou o tiroteio. "Ataques contra a polícia são ataques contra todos nós e e contra o Estado de Direito que torna a sociedade possível", disse o presidente. Ele  pediu também que os americanos façam esforços para unir o país, em vez de buscar a divisão. "Nós, como uma nação, temos que ter alto e claro que nada justifica a violência na aplicação da lei", disse Obama.
O superintendente da polícia do estado de Louisiana, coronel Mike Edmonson, disse em entrevista que o atirador agiu sozinho, ao contrário de relatos iniciais, de que a polícia estaria à procura de outros atiradores.

A polícia não esclareceu se há alguma relação entre a morte dos policiais, hoje, e a morte de dois homens negros, em ação da polícia, este mês. Um dos homens, Alton Sterling, 37 anos, morreu na própria cidade de Baton Rouge, em 5 de julho; e Philando Castile, 32 anos, morreu perto de Saint Paul, no estado de Minnesota, no dia seguinte. Ambos os ataques foram feitos por policiais em circunstãncias ainda não esclarecidas.
O governador da Louisiana, John Bel Edwards, chamou o tiroteio de um "indizível ataque hediondo".
Informações via Agência Brasil


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif



São Pedro 2018

Melhores momentos - Por Wilson Novaes