Trump afirmou que o comércio Brasil e EUA é injusto - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Trump afirmou que o comércio Brasil e EUA é injusto

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 1 de outubro de 2018 - 0 Comentários

O Brasil trata "injustamente" companhias norte-americanas.



O presidente Donald Trump criticou hoje (1º) as relações comerciais entre o Brasil e os Estados Unidos. Em entrevista coletiva sobre o novo acordo comercial entre o país, o Canadá e o México (o novo Nafta), firmado neste domingo (30), Trump afirmou que o comércio Brasil-EUA é injusto e que o Brasil trata "injustamente" companhias norte-americanas.
Ao responder a uma pergunta sobre as relações comerciais entre a Índia e os Estados Unidos, Trump disse que o país asiático cobra "tarifas absurdas", muito altas, e que nenhum governo anterior "falou disso".
Ao tratar do tema tarifas, o presidente americano citou o Brasil como exemplo de negociação difícil e injusta: "O  Brasil é outro caso. É uma beleza. Eles cobram de nós o que querem e, se você perguntar a algumas empresas, elas irão dizer que o Brasil está entre os mais duros do mundo, talvez o mais duro".
E completou: "E nós nunca chamamos o Brasil para dizer: 'olha, vocês estão tratando nossas empresas injustamente, tratando nosso país injustamente'".
Na coletiva, o presidente Trump tocou várias vezes na questão do tratamento recebido pelos Estados Unidos nas relações comerciais, que considerou injustas e desfavoráveis para o país. "Somos perdedores em todos os acordos que temos. Se você olhar para quase qualquer país, vai ver que nós temos um déficit comercial. Nós perdemos com todos", afirmou.
Os Estados Unidos são o segundo maior mercado exportador do Brasil, perdendo somente para a China. Os principais itens exportados para os Estados Unidos são óleo bruto de petróleo, aviões e produtos manufaturados de ferro e de aço.
De acordo com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Servicos, no ano passado, o superávit do Brasil para com os Estados Unidos foi de US$ 2,06 bilhões. O país exportou para os Estados Unidos US$ 26,872 bilhões e importou de lá um total de US$ 24,846 bilhões.
No ano passado, a economia norte-americana recebeu 12,3% do total exportado pelo Brasil. No caso da China, o percentual foi de 21,8%.
Agência Brasil


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS