Meirelles diz que Temer o ‘encoraja’ a ser candidato a presidente - Itiruçu Notícias
Arrow
formatura do Proerd em Itiruçu - Imagens Wilson Novaes


Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Meirelles diz que Temer o ‘encoraja’ a ser candidato a presidente

Por: Redação Itiruçu Notícias - sábado, 24 de fevereiro de 2018 - 0 Comentários

 Henrique Meirelles, poderá ser candidato a presidente  pelo PSD com apoio e Temer



O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse nesta sexta-feira que o presidente Michel Temer o “incentiva” e “encoraja” para ser candidato a Presidência da República nas eleições de outubro. Ele reiterou que a decisão sobre a candidatura será tomada até abril. Meirelles é filiado ao PSD.
"Em todas as conversas que temos tido, ele (Temer) tem me incentivado muito a ser candidato, dado sugestões, etc. Ele tem manifestado, inclusive, muito entusiasmo, e me encorajado, dando muito força, dizendo: “acho importante, vá em frente”. Só vou definir se serei candidato em abril — disse Meirelles, em entrevista à “RedeTV!”.
Mais cedo, Meirelles admitiu disputar a Presidência da República numa eleição com o presidente Michel Temer, mas disse que uma estratégia vencedora seria ter um candidato único do governo, que pudesse defender o legado das reformas.
O ministro da Fazenda afirmou que a decisão de disputar o Palácio do Planalto vai depender, por exemplo, de aspectos políticos, como apoio de partidos para garantir tempo na televisão.
"Vai depender de aspectos políticos, como apoio. Eu não acredito em candidaturas avulsas, sem tempo de televisão. Tempo de TV é um fator, o apoio partidário é necessário" afirmou.
Para Meirelles, o baixo desempenho nas pesquisas eleitorais não é um impedimento para uma eventual candidatura. Ele citou o exemplo das eleições para a prefeitura de São Paulo, em 2016, quando João Dória (PSDB) saiu vencedor no primeiro turno, mesmo após iniciar a disputa com baixa intenção de voto.
O ministro descartou disputar uma vaga no Congresso Nacional ou sair como candidato a vice-presidente e repetiu que sua etapa como ministro da Fazenda está cumprida: "Essa fase de ministro, essa missão, está por ser cumprida. A minha opinião hoje é que esta fase está cumprida".


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif