Lazaro Ramos e Taís Araújo juntos no TCA - Itiruçu Notícias
Arrow
Cores da Saúde: Julho Amarelo alerta sobre câncer nos ossos



Passeio Cicloturismo de Itiruçu


EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Lazaro Ramos e Taís Araújo juntos no TCA

Por: Itiruçu Notícias - terça-feira, 25 de outubro de 2016 - 0 Comentários


O Teatro Castro Alves vai receber no sábado, dia 29 (às 21h) e domingo, 30 (às 17h e 21h) de outubro, a Peça O Topo da Montanha, que é protagonizada e também produzida por Lázaro Ramos e Taís Araújo, com direção de Lázaro Ramos e codireção de Fernando Philbert. Além dessas apresentações os atores farão uma apresentação extra com promoção do Governo do Estado, no sábado (29), às 17h  e terá como público jovens atendidos pelas bases comunitárias de segurança, alunos da rede estadual de ensino e movimentos sociais apoiados pelas secretarias estaduais de Promoção da Igualdade e Políticas para as Mulheres. “Espero que a gente possa contribuir um pouco mais para a valorização da educação e da cultura”, revelou Lázaro Ramos ao falar de sua ansiedade para a apresentação para os jovens beneficiados por programas e projetos sociais na Bahia.

Originalmente a peça teve estreia em Londres, em 2009, ganhou versão na Broadway em 2011, e em São Paulo ano passado. Agora vem protagonizada Lázaro Ramos e Taís Araújo. O espetáculo já conquistou mais de 25 mil espectadores e recebeu uma indicação ao Prêmio Shell, de melhor atriz, para Tais Araújo. O Topo da Montanha faz alusão ao último grande discurso de Martin Luther King  (I’ve Been to the Mountaintop). Em Memphis, na Igreja de Mason, no dia 3 de abril de 1968, Luther King acabara de realizar seu último sermão. É exatamente neste cenário, um dia antes de seu assassinato, que Martin Luther King, interpretado por Lázaro Ramos, conhece Camae, encenada por Taís Araújo, a misteriosa e bela camareira em seu primeiro dia de trabalho no hotel que ele esta hospedado. Repleta de segredos, ela confronta o líder em clima de suspense e simultaneamente deboche. Deste modo, faz o reverendo se lembrar que, como todos, é humano.

“Este texto me perseguiu como ator por dois anos, por meio de pessoas que diziam que tinha de fazê-lo no Brasil. E é contemporâneo porque é uma história também sobre enfrentar medos. Sobre os trilhos da coragem e do afeto”, resume Lázaro. “Tínhamos muito receio de que o texto fosse americano demais e não tocasse as pessoas. Mas o tempo e uma boa tradução nos convenceram que as questões do amor e da igualdade são relevantes e próximas a todos nós”, complementa Taís.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif



São Pedro 2018

Melhores momentos - Por Wilson Novaes