Lauro de Freitas: Programa “Mulher, Viver sem Violência” - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : Eleições em Itiruçu

Eleições  serão realizada neste domingo dia 07 de outubro.  Se a mesma empolgação dos eleitores para as eleições do próximo domingo...


MAIS LIDAS DO MÊS


Lauro de Freitas: Programa “Mulher, Viver sem Violência”

Por: Itiruçu Notícias - quarta-feira, 13 de abril de 2016 - 0 Comentários


Desde a última segunda-feira (11), o município de Lauro de Freitas esteve contemplado com a Unidade Móvel do Programa “Mulher, Viver sem Violência”, fruto de uma parceria entre o Governo Federal e o Governo da Bahia.

Hoje (13), está sendo realizado o último dia de atendimentos na comunidade de Jambeiro, situada no município. As mulheres são convidadas para participar de uma roda de conversa, onde recebem orientações sobre violência de gênero e a Lei Maria da Penha. A partir desse primeiro contato, as participantes que solicitam, passam também por uma etapa de atendimento com uma equipe multidisciplinar (composta por profissionais das áreas de Serviço Social, Psicologia e Direito), onde são assistidas e encaminhadas.

A coordenadora da unidade, Aldinete Carvalho, ressaltou outro aspecto importante do projeto: a capacitação da rede de atendimento local, que acontece sempre nos dias anteriores aos atendimentos nas Unidades Móveis. “É o primeiro passo para trazer unidade para o atendimento da região, porque se não tivermos alinhamento entre a rede, não conseguiremos efetivar o trabalho”, explicou.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação