Ibametro intensifica fiscalização para recolher o brinquedo Hand Spinner - Itiruçu Notícias
Arrow
Vídeo sobre a leucemina

Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Opinião: O primeiro discurso da ministra do STF em 2018

Na sessão solene que marcou a abertura do Ano Judiciário de 2018, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, disse na manhã desta quinta-feira, 1, que é ”inadmissível e inaceitável desacatar a Justiça” e que sem ”Justiça não há paz”. ”Pode-se ser favorável ou desfavorável à decisão judicial pela qual se aplica o direito. Pode-se buscar reformar a decisão judicial, pelos meios legais, pelos juízos competentes. É inadmissível e inaceitável desacatar a justiça, agravá-la ou agredi-la. Justiça individual fora do Direito não é justiça, senão vingança ou ato de força pessoal”, discursou Cármen. ”Sem liberdade, não há democracia. Sem responsabilidade, não há ordem. Sem justiça, não há paz”, completou a presidente do STF... CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Ibametro intensifica fiscalização para recolher o brinquedo Hand Spinner

Por: Itiruçu Notícias - - quarta-feira, 19 de julho de 2017 - 0 Comentários





O Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), órgão delegado do Inmetro na Bahia e autarquia da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), divulga o resultado da fiscalização realizada de 10 a 15 de julho, no comércio de Salvador e do município de Barreiras, com foco no brinquedo hand spinner (girador de mão). Nova sensação entre as crianças, o brinquedo é perigoso por conter diversas pontas e rolamentos. O Inmetro identificou acidentes envolvendo o produto, no exterior, relacionados ao engasgamento com a ingestão de partes pequenas, em especial, dos rolamentos. A operação coletou um total de 2.469 mil brinquedos irregulares, sendo 610 unidades de hand spinner. Todos os produtos estavam sendo comercializados sem o Selo do Inmetro, ou seja, não passaram por testes de segurança exigidos no processo de certificação.

Os brinquedos foram apreendidos em lojas e supermercados. As empresas foram autuadas e vão pagar multas que podem chegar até a R$ 1,5 milhão, se considerados fatores agravantes, como a reincidência. O Ibametro está intensificando a fiscalização do hand spinner e demais brinquedos em todo o estado.
“Os pais precisam comprar produtos certificados para evitar riscos de acidentes. Além disso, devem observar a indicação da faixa etária. O hand spinner é contraindicado para crianças de até seis anos. Nos modelos movidos a motor, o risco é ainda maior devido a possibilidade de ingestão das baterias tipo botão”, explica o diretor-geral do Ibametro Randerson Leal. 
 

Considerado pelo Inmetro como brinquedo, o produto só pode ser comercializado no Brasil se cumprir com os requisitos técnicos definidos nas portarias vigentes sobre o tema. E mais: deve ser submetido aos ensaios previstos pelo processo de certificação. Consequentemente, poderá ostentar o Selo do Inmetro. Caso contrário, o produto estará irregular no mercado.
A fiscalização apreendeu também brinquedos como armas de brinquedos que dão choque elétrico no contato com a pele e o ioiô bol, brinquedo proibido no Brasil devido ao risco de estrangulamento.
Denúncias da comercialização do brinquedo sem o Selo do Inmetro devem ser feitas à Ouvidoria do Ibametro pelo telefone 0800-071-1888.
Ascom – Ibametro


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

ENQUETE
Você votaria em quem para presidente?

Álvaro Dias (Podemos)
Ciro Gomes (PDT)
Cristovam Buarque (PPS)
Eymael (PSDC)
Fernando Collor (PTC)
Geraldo Alckmin (PSDB)
Jair Bolsonaro (PSC-RJ)
João Amoêdo (Novo)
Levy Fidelix (PRTB)
Lula da Silva (PT)
Manuela D'Ávila (PC do B)
Marina Silva (Rede)
Valéria Monteiro (PMN)
Outro
Nenhum