Antiga oposição cobrará presença de deputados para cassar Cunha - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Antiga oposição cobrará presença de deputados para cassar Cunha

Por: Itiruçu Notícias - terça-feira, 19 de julho de 2016 - 0 Comentários


Líderes das siglas de oposição, como DEM, PPS, PSDB e PSB, afirmam que será desmoralizante para a Câmara se não houver quórum em agosto para votar a cassação do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) em plenário. Por isso, estes partidos articulam para que suas bancadas compareçam em peso para votar o tema no próximo mês, mesmo com a demanda das campanhas eleitorais.
É consenso nos partidos que não haverá como votar a perda do mandato na primeira semana por duas razões: o cumprimento dos prazos regimentais para votação e as convenções partidárias até 5 de agosto. A partir da primeira semana será possível apenas avaliar o ambiente da Casa e se haverá quórum qualificado para apreciar o caso Cunha.
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já definiu como quórum seguro 460 parlamentares. "Virá todo mundo e terá quórum elevado", previu o líder do PPS, Rubens Bueno (PR). O líder do PPS disse que o esvaziamento da Câmara neste período seria "desmoralizante para todos".


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação