Flores de Itiruçu: "Onde está o dinheiro que se investiu aqui ?" - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Flores de Itiruçu: "Onde está o dinheiro que se investiu aqui ?"

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 27 de dezembro de 2017 - 0 Comentários


A associação dos produtores de gérberas de Itiruçu iniciou seu trabalho por volta do  mês de maio de 2009, com um financiamento de cerca de 90 mil reais conseguindo montar a estufa, comprar as mudas de gérberas e todos os materiais necessários para começar o plantio. No inicio faziam parte da associação 45 pessoas. Com o aparente sucesso do projeto, várias pessoas desconfiadas de envolvimento de “terceiros” desistiram, restando apenas apenas um pouco mais de 20 associados.
A Associação começou a passar por grandes dificuldades a partir outubro de 2012 quando as flores começaram a adoecer. O apoio prometido, como o fornecimento de água, luz, o carro para a viagem à salvador e assistência técnica,  foi apenas uma armadilha que prejudicou o progresso da associação.

De acordo informações na época ficou difícil levar adiante o projeto. As flores doentes e a falta de assistência e a estufa sem manutenção foi estalado o esgoto que jorrou pela tubulação da impunidade um suposto investimento de 90 mil reais. O “suposto” se dá porque muitos dos associados não acreditaram  que foi gastos todo este dinheiro. E pode ter tido fraude e apropriação indébitas dos rendimentos das vendas das flores do produtores. Os associados ficaram preste a ter seus  nomes inclusos no SPC, devido as dividas no banco. Situação que não foi confirmada posteriormente já que não se tem mais informações pois a associação falida virou uma caixa preta que  não funciona mais no local e a estufa foi totalmente destruída e os demais materiais não se sabe o destino. Além disto alguns dos associados nem mais mora no município de Itiruçu.

“Não recebemos nenhum real tudo que se arrecadou foi para pagar a divida, nem o dinheiro agente via “ . Comentaram alguns dos associados em entrevista ao Itiruçu Notícias em fevereiro de 2013.
Infelizmente talvez nunca, vai se torna publico que são os verdadeiros culpados da falência deste empreendimento que tinha grandes chances de dá certo,  mas o que restou foi ruínas e um terreno abandonado em um mais caso que caiu na impunidade.
Fotos arquivo Itiruçu Notícias



Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS