Greve dos Correios em Jequié tem adesão de 70% dos funcionários - Itiruçu Notícias
Arrow

Acesse e curta nossa FAN PAGE no Facebook




Anuncie aqui seu evento! Apoio cultural Itiruçu Notícias


Campanha


As mais visitadas


Colunistas

O Seu Direito

Êta, Lê, Lê


Utilidade Pública


CENIPA

PM

Greve dos Correios em Jequié tem adesão de 70% dos funcionários

Edição: Redação Itiruçu Notícias - sábado, 23 de setembro de 2017 - 0 Comentários


Com a proposta de manter uma ECT pública com atendimento de qualidade garantindo os direitos dos seus funcionários, trabalhadores e trabalhadoras da estatal seguem em greve em todo Brasil [com exceção de Rio e São Paulo tem indicativo para o dia 26,  e cobram do presidente da empresa maior transparência e decência nas negociações. Com informações do Jequié News.
Ainda segundo o site representantes do sindicato da categoria estão alertando para o fato de que Guilherme Campos presidente nacional dos correios propôs negociação na tentativa de retirar os direitos trabalhistas adquiridos ao longo do histórico de lutas da categoria.
“A luta dessa vez não é pra aumento de salário, o que queremos é que nossos direitos sejam mantidos”, argumentou um dos líderes regional do Sincotelba em recente mobilização em Jequié.
“Eles querem jogar a população contra nós trabalhadores, mas na verdade a intenção deles é privatizar os Correios e o ponto de partida é exatamente esse: dilacera a categoria trabalhadora, retirando à força nossos direitos e depois vende para o capital estrangeiro, no final o prejuízo é jogado nas costas dos brasileiros." Asseverou o sindicalista. 
A agência dos Correios em Jequié está funcionando com apenas dois atendentes, sendo um deles remanejado da cidade de Manoel Vitorino, que ficou com apenas um carteiro e um atendente para atender as demandas de toda população.
Fonte: Jequié News.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Publicidade

 photo dra rita coacutepia_zpsxcdxnsbz.png

 photo gilmarblogif_zpsi4cfgiei.gif
COMPRE AQUI

Ou pelo WhatsApp:
(11) 98109 7241