.

Notícias do Vale

Notícias da Bahia

Noticias do Brasil

Opinião & Notícias

Audios & Vídeos

Um laboratório de refino de cocaína foi desarticulado, na manhã  desta quarta-feira (1), por policiais do 19⁰ Batalhão  da Polícia  Militar (BPM/Jequié) e da Companhia Independente de Policiamento  Especializado (Cipe) Central, na zona rural de Jequié.

No local, onde dois homens realizavam o preparo das drogas para a venda,  foram apreendidos 57 tabletes de maconha, três de cocaína, nove vasilhas com crack, três prensas hidráulicas e material utilizado para embalar os entorpecentes. Um veículo Fiat Uno e uma motocicleta também foram encontrados.

De acordo com o capitão Leonardo da Silva Oliveira, comandante da 1ª Companhia do 19⁰ BPM, a dupla foi surpreendida pelas equipes e reagiu à prisão.

"O laboratório  ficava escondido em um local de difícil  acesso, sem sinal. Eles reagiram à voz de prisão, entraram em confronto  com as equipes e não resistiram. Encontramos com eles uma pistola Glock 380 e um revólver calibre 38", detalhou.

A descoberta é fruto de troca de informações entre o Setor de Inteligência  da PM e o Núcleo de Operações do Departamento  de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Essa é uma das ações realizadas em Jequié, nesta quarta-feira, com foco na redução das mortes violentas  na cidade. Desde o início da manhã, várias operações são  realizadas  no município, coordenadas pela Secretaria  da Segurança  e executadas pelas Polícias Militar e Civil.

O material apreendido foi apresentado  na sede do 19ª Batalhão da PM.

Foto e vídeos: Kelly Hosana Montagem Itiruçu Notícias

Com a criatividade em alta agricultor, faz um mini caminhão com um motor  de uma moto e usa até um chuveiro como filtro de ar.

O agricultor da zona rural de Queimadas agreste paraibano usou sucatas para concretizar sua invenção . Adriano conhecido por Didi fez o caminhão e logo na primeira tentativa quase provoca uma acidente pois esqueceu de colocar os freios no veículo. Veja vídeo abaixo:

A Prefeita Lorenna  ligou no Giro Totall da Itiruçu FM para falar sobre a estrada de Itiruçu a Lafaiete.
 
Ela disse que a prefeitura já iniciou o processo de trabalho para reconstruir a estrada destruída após barragens estourarem.  
 
Falou também de reparos nas estradas da zona rural dizendo que no momento o que se pode é fazer reparos e que já começou a fazer. Ela ainda falou sobre as demandas da população sobre iluminação pública, afirmando que aguardava o carro do Convale ser liberado para Itiruçu e que já começa a trocar lâmpadas nessa semana.
Veja vídeo:⁰
 

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, enfrenta pressão de membros de seu partido para expulsar Bolsonaro do país.

"Bolsonaro não deveria estar na Flórida", disse o deputado democrata Joaquin Castro à CNN. "Os Estados Unidos não deveriam ser um refúgio para esse autoritário que inspirou o terrorismo doméstico no Brasil. Ele deveria ser enviado de volta ao Brasil."

Alexandria Ocasio-Cortez, outra democrata no Congresso, em um tuíte pediu aos EUA que "deixem de conceder refúgio a Bolsonaro na Flórida".

O conselheiro de segurança nacional dos EUA, Jake Sullivan, disse na segunda-feira que os EUA não receberam "nenhum pedido oficial" do governo brasileiro relacionado ao visto de Bolsonaro.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, afirmou nesta segunda-feira (02/01), durante a cerimônia de transmissão do cargo, que seu ministério será de pacificação nacional. “Teremos um ministério da paz e da justiça. Mas uma paz com conteúdo e prioridades, que são vitais”.
 
Dino reforçou a independência e a harmonia entre os poderes. “É fundamental que cada um possa exercer sua competência com autoridade e legitimidade. Não temer o pensamento diferente, que são necessários e imprescindíveis para o engrandecimento da sociedade”, afirma o ministro.
 
O ministro fez menção a três eixos de atuação do Ministério da Justiça: combate à desigualdade, proteção da Constituição e defesa da democracia. Há uma busca por um ministério para aqueles que lutam por uma justiça antirracista, contra o feminicídio, pela proteção da comunidade LGBTQIA+, dos que são contra toda forma de preconceito e de violência.
 
“Nós, servidores e servidoras públicas temos lado. Servimos aos 215 milhões de brasileiros, mas, prioritariamente àqueles que precisam da mão amiga do serviço público do Estado para fazer com que os direitos consagrados na constituição tenham vida em seus lares e locais de trabalho”, pontua.

Quanto à proteção à Constituição, o novo titular da Justiça garante a realização de uma gestão que priorize e respeite a independência das instituições do sistema de justiça, mas, que também possa conferir a harmonia e o diálogo entre os poderes, sinalizando uma mudança de rumo em relação à gestão anterior.
 
Já em relação à defesa da democracia, o ministro destaca a necessidade de ponderação e firmeza, na defesa da lei, onde cada um possa responder de acordo com suas ações ou omissões. “A democracia não tem apenas o direito, ela tem o dever de se defender daqueles que querem destruí-la”.

Outros tópicos essenciais também foram levantados como prioridades e desafios pelo atual ministro, que garantiu total atenção ao controle responsável de armas, combate aos crimes ambientais, atuar pelos direitos digitais e combate aos crimes cibernéticos, e também pelos direitos dos consumidores e combate ao superendividamento, entre outros.

Segundo ele, “erra menos quem ouve mais”. Na oportunidade o ministro convidou todas as entidades, os cidadãos, as empresas para contribuírem e somarem esforços para a gestão. “Não existe segurança pública com cidadania e compatível aos direitos humanos sem a participação das polícias e agentes públicos de um modo geral. Queremos que todos e todas considerem esse ministério como seu, no cumprimento do dever nacional, nos ditames da lei e da disciplina”.
 
Currículo Flávio Dino
 
Natural de São Luís, MA, Flávio Dino, de 58 anos, é advogado e professor de direito. Foi juiz de 1994 a 2006 -- ano em que disputou vaga na Câmara dos Deputados. De 2007 a 2010, atuou como deputado federal do Maranhão. Em 2011, assumiu o cargo de presidente da Embratur (Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo). Deixou o comando da Embratur em 2014 para concorrer ao governo do Maranhão. Venceu no 1º turno com 63,52% dos votos. Em 2018, foi reeleito no 1º turno com 59,29% dos votos. O governo de Flávio Dino ficou marcado pela gestão da pandemia de covid-19. O Maranhão registrou o menor número de mortes por milhão. No atual pleito foi eleito a Senador por seu Estado.

Doze anos depois de ter deixado o cargo, Luiz Inácio Lula da Silva toma posse neste domingo (1º) como presidente da República para exercer um terceiro mandato de quatro anos. A solenidade está marcada para as 15h, no Congresso Nacional.

A expectativa para a posse de Lula é grande. O evento deverá contar com a participação de cerca de 700 jornalistas brasileiros e estrangeiros, 120 representantes de governos estrangeiros, dois mil convidados, e um público externo entre 150 mil e 300 mil pessoas. Os veículos de comunicação do Senado estão organizando uma ampla e especial cobertura, trazendo ao vivo todos os detalhes do evento.

 

O prefeito do município baiano de Várzea da Roça, Danillo Salles (PCdoB), virou assunto na internet no último sábado (24) após dançar sem camisa durante um show de arrocha no palco do ‘Carnatal de Várzea da Roça’. 

No domingo (25), o gestor voltou a subir no palco, tirar a camisa e dançar ao som da banda Parangolé, ao lado de Tony Salles.
A cena ocorreu durante o segundo e viralizou no TikTok e rendeu comentários como “gente como a gente” e “por isso que foi eleito”.

Após a repercussão nas redes sociais, o prefeito publicou um vídeo dançando o hit ‘Pagodão do Birimbola’ em seu perfil pessoal no Instagram.


OUÇAWEB RÁDIO ITIRUSSU

Anúncios

alt=”atributo alt aqui” />

Facebook