TVE Bahia e TV Brasil transmitem Paralimpíadas ! - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


TVE Bahia e TV Brasil transmitem Paralimpíadas !

Por: Itiruçu Notícias - segunda-feira, 5 de setembro de 2016 - 0 Comentários


Entre os dias 7 e 18 de setembro, a TVE / TV Brasil  transmitirão os Jogos Paralímpicos 2016. As emissoras públicas parceiras vão exibir as cerimônias de abertura e encerramento e as principais competições, com destaque para a participação dos atletas brasileiros em esportes coletivos e individuais. Com o slogan "O Canal das Paralimpíadas", a TV Brasil faz uma ampla cobertura do evento com cerca de 10 horas de transmissões diárias em sua programação. E nesta quarta, 07.09, ao vivo,  às 17h45, direto do Maracanã, mostra as emoções da cerimônia de abertura com apresentação dos jornalistas Daniela Christoffer, Luciana Barreto e William Douglas, além dos comentários do coreógrafo Hélio Bejani, diretor artístico do ballet do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Enquanto a TV Brasil prepara-se para mostrar os grandes momentos das Paralimpíadas como único canal aberto a transmitir competições, os demais veículos da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) estarão com suas equipes na rua para a cobertura jornalísticas dos eventos. Detalhes da cobertura estarão nas redes sociais, nos perfis @tvbrasil e @ebcnarede do Twitter e Facebook e poderão ser acompanhados pela hashtag #VemPraPara.

Capital mundial do esporte em 2016, o Rio de Janeiro recebe mais de 4.350 atletas de 176 países para competir em 23 modalidades nos Jogos Paralímpicos. Sob o tema “Todos têm Coração”, a apresentação vai reunir um elenco com dois mil voluntários e 500 profissionais entre coreógrafos e artistas, distribuídos em dois palcos no gramado do Maracanã, onde ainda desfilarão milhares de paratletas. O comando do show ficará por conta da atriz e apresentadora Fernanda Lima e do escritor Marcelo Rubens Paiva, além do mascote Paralímpico Tom.
A porta-bandeira da delegação brasileira durante a solenidade será a atleta goiana Shirlene Coelho. Ela foi ouro nos Jogos de Londres 2012 e prata em Pequim 2008, no lançamento de dardo, na categoria F37 (atletas com paralisia cerebral). Na Rio 2016, Shirlene, que tem paralisia cerebral desde a gestação, disputará mais duas provas, além do lançamento de dardo: o arremesso de peso e o lançamento de disco.

Com regras e categorias específicas para cada tipo de deficiência, as Paralimpíadas distribuem mais medalhas do que as próprias Olimpíadas: serão exatas 528 provas que valem 265 medalhas masculinas, 225 femininas e 38 mistas, em disputa nas 20 arenas durante os onze dias de competição.

O Comitê Paralímpico espera que os brasileiros conquistem a quinta posição geral no quadro de medalhas. Nesta edição, o país terá a maior delegação da história do evento com 287 atletas. Entre os competidores com grandes chances de subir no pódio estão Daniel Dias, Andre Brasil, Phelipe Rodrigues, da natação; Terezinha Guilhermina, Shirlene Coelho, Silvânia Costa, Yohansson do Nascimento, Alan Fonteles e Odair Santos, pelo atletismo; Maciel Santos, na bocha, no futebol de 5 e goalball masculino.

Nos Jogos de Londres, em 2012, a delegação nacional alcançou a sétima colocação, com 21 ouros e 43 medalhas no total. Para melhorar o rendimento este ano, será preciso ganhar ao menos mais dez provas. Para a Rio 2016, o Comitê Paralímpico aponta alguns destaques das competições: Bruna Alexandre, tênis de mesa; Ítalo Gomes e Matheus Rheine, natação; Verônica Hipólito, Alex Pires, Daniel Martins, Lorena Spoladore, Petrucio Ferreira e Mateus Evangelista, no atletismo; Luiz Carlos Cardoso, canoagem; e as equipes de Futebol de 7 e vôlei sentado masculino.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação