Arrow
NOTÍCIA EM DESTAQUE

Itiruçuense Lara Pelagatti vence o Concurso Miss Bahia Teen 2019

A itirucuense Lara Giovanna Pelagatti de 16 anos, conquistou na noite deste sábado (17/08)no Teatro Diplomata, em Patamares na capital baiana, o título da 10ª edição do Concurso Miss & Mister Bahia Teen 2019 , representando a cidade de Itiruçu. A menina foi avaliada por um corpo de 12 jurados que são formadores de opiniões e profissionais da área de moda, fotografia, estética, jornalista, produtores, e Ex-Miss e Mister Bahia, sendo eleita a Miss Bahia Teen 2019 . Com tema “Revivendo as tradições Baianas” foram avaliados postura, andamento, simpatia, plástica, desenvoltura, estética e beleza com notas de 01 (um) a 05 (cinco)...CONTINUE LENDO
Estamos trabalhando para transmissão online em breve



HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

Dazo: Um exemplo de vida
Figura muito dócil e querida em toda Itiruçu, alegre e de temperamento fácil, cativante e prestativo; Estou falando de Gildásio Rodrigues de Souza, ou simplesmente DAZO, filho de D. Cecília, irmão de Lucy e Jaime Boró, e cunhado de Didi...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Fé realiza os desejos de nossos corações


A Fé é acreditar que uma coisa é verdade e agir de acordo com essa crença. Todo mundo tem fé em alguma coisa. A Bíblia diz que devemos ter fé em Deus e no Seu poder para mudar nossa vida. Somos salvos pela fé em Jesus. - Hebreus 11:6.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BÍBLICOS

BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Condenado por estupro deixa a cadeia e mata a filha de 13 anos

Por: Redação Itiruçu Notícias - quinta-feira, 4 de outubro de 2018 - 0 Comentários

 homem mata filha depois de briga com a mãe deu várias facadas na menina.






A Polícia Civil procura por um homem de 28 anos suspeito de matar a filha de 13 a facadas na madrugada desta quarta-feira (3), em São Roque, no interior paulista.
Horácio Nazareno Lucas estava preso desde julho, quando passou a cumprir pena por estuprar a cunhada em 2010. As informações são do G1.
Policiais à caminho da ocorrência foram surpreendidos por um menino de 6 anos pedindo socorro e dizendo que o pai havia matado a irmã.
Os policiais foram até o local indicado pelo garoto e, chegando lá, encontraram Letícia Tanzi Lucas inconsciente e ferida. Ela foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos.
Inicialmente, havia sido informado que o suspeito estava preso por estuprar a filha. A família chegou a denunciá-lo pelo crime, mas a prisão foi por causa do crime cometido contra a cunhada.
Horácio foi preso em junho deste ano, após ser condenado a oito anos de prisão por estuprar a cunhada, que tem problemas mentais.
A defesa entrou com um pedido para que Horácio continuasse respondendo o processo em liberdade.
Dias depois da prisão, no entanto, a família descobriu que a filha era abusada pelo pai e registrou um boletim de ocorrência contra ele.
Na última terça-feira (2), o juiz acatou o pedido feito pela defesa e concedeu a ele o direito de apelar em liberdade.
Segundo o registro policial, em casa Horácio começou a discutir com a mulher sobre o motivo dela e da filha terem aberto uma denúncia contra ele. O homem ficou nervoso, agrediu a mulher e tentou esganá-la. Ela conseguiu fugir para a casa de uma vizinha, para pedir socorro.
Neste momento, o homem trancou o filho mais novo no quarto e deu várias facadas na menina. Em seguida,  fugiu por um matagal.
Quando o garoto ouviu os barulhos, conseguiu sair do quarto e foi para a rua, onde encontrou a viatura policial.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS