Polícia oferece R$ 5 mil por pistas de assassinos de delegado - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Assaltantes levam moto na zona Rural de Itiruçu

Uma moto Honda Bros, cor vermelha e placa NZU-2191 de Itiruçu, foi tomada de assalto por dois elementos armados na região do Assentamento...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Polícia oferece R$ 5 mil por pistas de assassinos de delegado

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 15 de janeiro de 2018 - 0 Comentários

O delegado Fábio Monteiro foi encontrado morto próximo à Favela do Arará, na Zona Norte do Rio de Janeiro


Denúncia e a Secretaria de Estado de Segurança do Rio de Janeiro ofereceram uma recompensa de 5.000 reais a quem der alguma informação que levem à identificação e prisão dos assassinos do delegado Fábio Henrique Monteiro, de 38 anos, baleado na última sexta-feira )12).
A central de atendimento colhe denúncias sobre crimes através das ligações anônimas e repassa os relatos às autoridades competentes. Um dos criminosos já foi identificado. A Polícia Civil tenta localizar Wendel Luis Silvestre por ter participado do crime. Ele já era considerado foragido da Justiça por ter outro mandando de prisão expedido em aberto, acusado de tráfico de drogas. Qualquer pistas sobre o paradeiro dele também valem a recompensa.
O corpo do delegado foi sepultado neste sábado(13) no mausoléu da instituição, no bairro do Caju. Monteiro trabalhava na Central de Garantias Norte (CG), unidade que otimiza os flagrantes policiais. Era professor de direito da Acadepol, ex-agente da Polícia Federal e pai de dois filhos.
A polícia guarda em sigilo as informações já coletadas para não atrapalhar as investigações, mas uma hipótese é que ele tenha reagido a um assalto e foi executado. Ele foi encontrado com várias marcas de tiros no porta-malas de seu carro na Praça Dario Rogério, perto do viaduto de Benfica e das favelas do Arará e do Jacarezinho, na zona norte. 
O local fica a menos de dois quilômetros da Cidade da Polícia, complexo de unidades da Polícia Civil, onde Monteiro operava.
O crime desencadeou operações no Arará e no Jacarezinho e dezenas de suspeitos foram levados para prestar do depoimento.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores