Morte de estudante que agrediu professora em Santa Catarina é falsa - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Morte de estudante que agrediu professora em Santa Catarina é falsa

Por: Itiruçu Notícias - quinta-feira, 24 de agosto de 2017 - 0 Comentários


Circula pela internet que o estudante que bateu na professora teria sido executado. O caso que aconteceu no dia 21 de agosto de 2017, quando  a professora de Língua Portuguesa Márcia Friggi levou um soco no olho dado por um aluno de 15 anos dentro da sala de aula, em uma escola municipal em Santa Catarina, que segundo o relato da professora, após ela pedir para que o aluno tirasse um livro do meio das pernas e colocasse em cima da mesa, o rapaz teria se negado e ofendido a professora. Sendo que após relatar o ocorrido na direção da escola, o jovem começou a agredir a professora com socos. O jovem  já ouvido  e a promotoria do caso deve pedir o internamento do rapaz já que tinha outros antecedentes.
Então a informação da morte do rapaz é enganosa, a foto que aparece nas postagens e, blog e site e redes sociais   na verdade é de João Elcimário Gomes tinha 29 anos de idade natural de Jundiá no estado de Alagoas e foi assinado com cinco tiros, em setembro de 2013. Mais informações AQUI!


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores