Últimas Notícias

New York Times elogia ajuda de Cuba para combater o Ebola

Escrito por Itiruçu Noticias em segunda-feira, 20 de outubro de 2014 | 23:16





O Jornal americano New York Times elogiou nesta segunda-feira a impressionante contribuição de Cuba no combate contra a epidemia de Ebola, e pediu que o presidente Barack Obama aproveita a oportunidade para normalizar as relações com Havana.

"A impressionante contribuição de Cuba na luta contra o Ebola" é o título da matéria, que recorda os médicos e enfermeiros enviados aos países da África afetados pelo Ebola, apesar de seus limitados recursos. "A iniciativa do governo cubano sem dúvida faz parte de seus esforços por melhorar seu status no cenário mundial, mas deve ser aplaudida e imitada", acrescentou.
O presidente cubano Raúl Castro inaugurou nesta segunda-feira uma reunião de cúpula extraordinária da Alba, com a presença de governantes e ministros da Saúde de 12 países da América Latina e do Caribe e destinada a definir uma ação contra o Ebola na região. "Uma terrível epidemia se propagada hoje pelos povos irmãos da África e ameaça a todos nós", afirmou Raúl na abertura do encontro de um dia.
"Se esta ameaça não for freada na África Ocidental, pode se converter em uma das pandemias mais graves da história da humanidade", acrescentou, destacando que, "pelas veias de nossa América, corre sangue africano".
O encontro da Aliança Bolivariana para os Povos de Nossa América (Alba), que agrupa países com governos de esquerda, acontece num país que se colocou à frente da cruzada contra o Ebola, com o envio de 165 médicos e enfermeiros a nações afetadas da África.
Na terça-feira passada, o líder cubano Fidel Castro elogiou a habilidade demonstrada pelo New York Times ao pedir ao presidente Obama que levante o embargo vigente sobre Cuba desde 1962.
"O artigo (do New York Times) está escrito, como se pode apreciar, com grande habilidade, buscando o maior benefício para a política americana na complexa situação, quando os problemas políticos, econômicos, financeiros e comerciais se somam", afirmou Fidel, de 88 anos, em mais um texto publicado pela imprensa oficial.
No editorial "Tempo de Acabar com o Embargo contra Cuba", publicado no domingo, o jornal americano pede a Obama que "reflita seriamente sobre Cuba e dê uma guinada na política em relação à ilha, o que poderá representar um grande triunfo para seu governo".
Washington Fonte(s) AFP






Reduzir o NE ao Bolsa Família é simplista, diz Rui Costa


O governador eleito da Bahia, Rui Costa (PT), rebateu as críticas da oposição sobre o fato de os eleitores do Nordeste votarem na presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff em razão do Bolsa Família. No primeiro turno, Dilma obteve 16,3 milhões de votos na região, contra 4,3 milhões de Aécio Neves (PSDB). "É uma avaliação simplista e reducionista isso de que o Nordeste é o Bolsa Família.
Quem conhecia o Nordeste de 15 anos atrás e conhece o de agora vai perceber que a realidade das famílias e a dinâmica econômica mudou radicalmente", afirmou em entrevista ao Broadcast Político, serviço de informações em tempo real da Agência Estado. "Vejo os articulistas (da imprensa) criticando o Nordeste sem de dedicar por 30 minutos para entender a região", observou.
A afirmação foi uma crítica à declaração recente do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso de que "o PT está fincado nos menos informados, que coincide de ser os mais pobres". Embora FHC não tenha citado o Nordeste, a afirmação se 'viralizou' nas redes sociais como um ataque tucano à supremacia petista nas urnas nordestinas. Na entrevista, Costa defendeu o governo petista na esfera federal como responsável pelo surgimento de cidades médias com atividades econômicas locais.
O governador eleito aponta a consolidação do polo de energia eólica no Estado baiano como resultado da gestão petista. "A Bahia passa, a partir de 2015, a ser o maior parque eólico do País, com a instalação de geradores no interior e a verticalização que fizemos de toda a cadeia de produção de componentes", disse.
O substituto do atual governador Jaques Wagner (PT) prometeu uma retomada no polo petroquímico de Camaçari, esquecido pela Petrobras. A estatal priorizou nos últimos anos investimentos no Porto de Suape, em Pernambuco, onde constrói a refinaria de Abreu e Lima. "Conseguimos negociar com as empresas, depois de ficar anos sem investimentos no polo petroquímico, o pagamento de créditos tributários que estavam retidos", relatou.
A meta a partir de 2015, segundo ele, é construir um polo têxtil e consolidar o núcleo fabril de acrílicos de Camaçari. "Conseguimos um investimento de R$ 1,3 bilhão da Basf no complexo de acrílicos. Isso abre perspectiva para uma nova cadeia produtiva de plástico. Eu diria que até para indústria têxtil, já que passamos a ter o poliéster e temos algodão no oeste da Bahia. Teremos, assim, duas matérias-primas para a produção têxtil e vamos buscar verticalizar essa cadeia produtiva aqui no Estado", afirmou.
Fonte AE

Balanço parcial das contas de 2013 julgadas pelo TCM


O Tribunal de Contas dos Municípios iniciou no segundo semestre deste ano o julgamento das contas de prefeitura, câmaras e entidades descentralizadas, todas relativas ao exercício de 2013, primeiro ano de mandato de muitos gestores.
Em relação às 417 prefeituras do estado, até esta segunda-feira (20/10), 130 contas foram julgadas pelo pleno do TCM, sendo 115 aprovadas com ressalvas e 15 rejeitadas. Entre os motivos mais recorrentes para reprovação das contas estão a abertura de créditos adicionais sem a existência de recurso ou autorização legislativa e a sonegação de processos licitatório ou irregularidades nos procedimentos.
Quanto às contas das 417 câmaras, um total de 154 já foram julgadas, resultando em cinco aprovadas na íntegra, 141 aprovadas com ressalvas e oito rejeitadas. A maioria dos gestores reprovados descumpriram o art. 29-A da Constituição Federal, ultrapassando o limite para despesa total. Por outro lado, receberam quitação plena os gestores de Filadélfia (Sival Moreira da Silva), Itaguaçu da Bahia (Antônio Ribeiro de Souza), Jussara (Ademar Lopes de Carvalho), Mulungu do Morro (João Batista Alves Neto) e Souto Soares (Josemario da Silva Lopes).
Das 122 entidades descentralizadas, duas foram aprovadas na íntegra, 86 aprovadas com ressalvas e cinco rejeitadas. Apenas a Caixa de Previdência dos Servidores de Várzea Nova – CXPREV não obteve opinativo único, sendo pela reprovação do primeiro gestor, Gefesson Ferreira Lima Gestor, no período de 12/01/2013 a 18/04/2013, e pela aprovação com ressalvas do segundo gestor Humberto Laranjeira, no período de 29/04/2013 a 31/12/2013.
Fonte Assessoria de Comunicação / TCM-BA

Dilma tem 52% dos votos válidos e Aécio tem 48%, diz Datafolha


Pesquisa Datafolha divulgada pela Folha de S.Paulo nesta segunda-feira (20) mostra Dilma com 52% dos votos válidos ante 48% de Aécio. A conta de votos válidos descarta nulos, brancos e indecisos.
O levantamento de intenções de voto para a Presidência da República, realizado nesta segunda-feira, traz a candidata do PT à reeleição pela primeira vez numericamente à frente do candidato do PSDB. Há, no entanto, empate técnico no limite máximo da margem de erro do levantamento, que é dois pontos para mais ou para menos.
Nas duas rodadas anteriores do Datafolha neste segundo turno, o placar também era de empate técnico, mas sempre com o tucano numericamente à frente: 51% a 49% nas duas ocasiões.
Em votos totais, o resultado da atual pesquisa é Dilma 46% (antes era 43%), Aécio 43% (era 45%). Brancos e nulos somam 5% (ante 6% do levantamento anterior). Outros 6% dizem que não sabem em quem votar, mesmo patamar de antes.
Segundo a Folha de S.Paulo, um dos fatores que ajudam a explicar o desempenho de Dilma é a melhoria da avaliação de seu governo.
O levantamento mostrou que 42% julgam a administração petista boa ou ótima, o melhor patamar desde junho de 2013, quando a aprovação de Dilma despencou de 57% para 30% durante o período das grandes manifestações de rua.
A avaliação negativa (soma dos que classificam o governo como ruim ou péssimo) está agora em 20%, o menor patamar desde novembro de 2013, quando registrou 17%. Outros 37% entendem que a administração é regular.
O Datafolha ouviu 4.389 eleitores em 257 municípios. Todas as entrevistas foram feitas nesta segunda. O nível de confiança do levantamento é 95% (em 100 pesquisas com a mesma metodologias, os resultados estarão dentro da margem de erro em 95 ocasiões). O registro no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) é BR 01140/2014.
(Com informações da Folha de S.Paulo)






Carol Leite é tricampeã baiana de Taekwondo


No último final de semana 18 e 19 10 2014, foi realizado o Campeonato Baiano de Taekwondo promovido pela Federação Esportiva Baiana de Taekwondo (FEBT), no Ginásio de Esportes do Clube ADELBA (Associação Desportiva e Cultural Coelba),  na Av. Tamburugy, s/nº, Patamares, na capital Baiana.
Itiruçu foi representada por uma equipe de 09 atletas, compostas pelos alunos  da Academia de Taekwondo Leões do Sudoeste (HWARANGBO Itiruçu) do professor Railton Mota. A equipe trouxe  8 medalhas, sendo 03 medalhas de ouro, 04 medalhas de prata e 01 de bronze.
O destaque da equipe foi Carol Leite que conquistou o tricampeonato individual. Carol  conquistou  a primeira medalha de ouro na categoria cadetes, antes ela já tinha conquistado dois ouro na categoria infantil.
A equipe teve uma ótima participação  no Campeonato Baiano de Taekwondo veja o quadro de medalhas conquistadas:
Lincoln Umburanas, medalha de prata na categoria Juvenil;
Francisco Amaral Junior, medalha de ouro na categoria adulto;
Humberto Scaldaferri, medalha de prata na categoria Juvenil;
Ana Carolina Leite, medalha de ouro na categoria cadetes;
André Luiz Andrade, medalha de ouro na categoria infantil;
Adriano Jesus Barbosa, medalha de prata na categoria adulto;
Itamar Coelho,  medalha bronze na categoria adulto;
Vinícius Barbosa Fróis, medalha de prata na categoria adulto.
A equipe da Academia de Taekwondo Leões do Sudoeste teve as importantes colaborações de  Jorge Solla, Walter Di Gregório, Zé de Adroaldo,  AF Andrade, Prakasa Móveis e Café Tenisi, para a sua participação nesta competição.
A próxima competição será realizada  nos dias 05 e 06 de dezembro  no  Guanambi Open  de Taekwondo promovido pela Federação Esportiva Baiana de Taekwondo FEBT.
 Fotos Marina Mota/Facebook Railton Mota

Para Aécio “médicos cubanos têm prazo de validade”






Durante encontro na Associação Médica de Brasília, Aécio Neves (PSDB-MG) foi contraditório ao criticar o programa Mais Médicos por trazer médicos estrangeiros, e ao mesmo tempo prometer 500 grandes unidades regionais de saúde. Antes, Aécio disse que manteria o programa. Agora, o candidato tucano à Presidência da República chegou a dizer que o Mais Médicos era uma “violência sem tamanho”.
Apesar de ser contra o programa tem conseguido levar assistência médica às periferias das grandes cidades e municípios do interior do Brasil beneficiando 50 milhões de pessoas e, em fevereiro deste ano, conseguiu atender completamente a demanda das cidades com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) baixo e muito baixo e das regiões mais vulneráveis, como o Semiárido, o Vale do Jequitinhonha/Mucuri, em Minas Gerais, o Médio Alto Uruguai, no Rio Grande do Sul, e o Vale do Ribeira, em São Paulo.
O programa contratou 14.462 médicos, a maioria cubanos, que foram deslocados para regiões onde a abertura de vagas não atraiu médicos brasileiros. A presidente Dilma Rousseff em sabatina, no dia 28 de julho, destacou que o programa foi uma solução para levar médicos aonde não havia. Afinal, “quem está doente não pode esperar”.
Aécio disse que os “médicos cubanos têm prazo de validade”. A pedra no sapato do tucano é o convênio firmado com o governo de Cuba para a vinda de profissionais. O senador tucano não se conforma com o fato de ter que contar com a ajuda e o exemplo cubano para a área da saúde. Em várias entrevistas já deixou claro que a primeira meta será romper o convênio.
Os profissionais cubanos que são mundialmente reconhecidos e elogiados pela população brasileira por sua visão humanitária do atendimento à saúde atuam principalmente em áreas de grande vulnerabilidade social que não conseguiam atendimento antes da vinda de médicos estrangeiros, já que os médicos formados no Brasil não chegavam a esses lugares.
A participação de médicos estrangeiros é uma solução emergencial prevista pelo programa. Dentro do planejamento do Mais Médicos, a prioridade é para profissionais formados no Brasil. Nesse sentido, o governo brasileiro abriu 2.338 novas vagas em universidades, em absoluta maioria pública, e até 2017, serão abertas 11.500 novas vagas para graduação na área de saúde e 12.400 para residência médica.



Resultado das Lotérias


Curta nossa Fanpage no Facebook

 
Suporte : Criação de Site | InforDRAW | Design Visuais
Copyright © 2009/2014. Itiruçu Notícias - Todos os Direitos Reservados
Informações contato@itirucunoticias.com
Editor: Neto Oliveira