Arrow

PRESSIONE o botão PLAY para reproduzir a rádio, caso não toque automaticamente. Estamos em fase de testes...




Salvador terá teleatendimento e rastreamento Casos de Covid-19

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 17 de junho de 2020 - 0 Comentários

A fim de reduzir o fluxo de pessoas nas unidades básicas de saúde, a Prefeitura de Salvador lançou nesta quarta-feira (17) um projeto de teleatendimento. É o "Salvador Protege", que visa reorganizar o setor da Atenção Primária, especialmente neste período da pandemia do novo coronavírus.

Ao site Bahia Notícias o prefeito explicou que "Vai permitir atendimentos às famílias sem que elas precisem estar na unidade de saúde. (...) Vamos chegar à distância, adequados a essa grande realidade do mundo", disse o prefeito ACM Neto (DEM) durante a coletiva de imprensa de lançamento do projeto.

Ele explica ainda que as bases do programa são: proteger e cuidar das pessoas e famílias impactadas pela pandemia; rastrear os contactantes; acompanhar a evolução do paciente diagnosticado com a doença; acolher a população e suas necessidades de atenção médica; e proteger e apoiar os trabalhadores da saúde durante a pandemia.

Quanto ao rastreamento, o democrata ressaltou que o projeto traz uma novidade. "Desde o começo, a gente vem fazendo o rastreamento dos casos a partir da Vigilância Sanitária. Agora, vamos envolver as unidades básicas de saúde nesse trabalho de tentar construir o caminho do coronavírus a partir de alguém que confirmou positivo", explicou Neto.

O procedimento será feito da seguinte forma: a pessoa com diagnóstico positivo vai informar a equipe de saúde, por telefone, os nomes e telefones das demais pessoas com quem teve contato até dois dias antes do surgimento do primeiro sintoma e os profissionais de saúde vão verificar a situação de cada um. Com isso, se alguma das pessoas contactadas também apresentar sintomas, ela entra no "protocolo de atenção" que o paciente original já está. Assim, a prefeitura visa garantir o bloqueio da transmissão, dando mais eficácia às medidas de isolamento.

Ainda segundo site todos os pacientes com sintomas suspeitos da Covid-19, mas sem complicações, serão acolhidos e avaliados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS's). "Todas terão uma área protegida e isolada especificamente para atender o paciente portador de sintoma do coronavírus pra não misturar com outros", ressaltou o prefeito.

Se a avaliação identificar que a pessoa não tem sinais graves, será recomendado o isolamento domiciliar, com monitoramento do caso, via telemedicina, a cada 48 horas. Passado o prazo de contaminação, de 14 dias, o paciente receberá "alta". Mas, se ao longo desse processo, a equipe identificar complicações, o Samu 192 será acionado para avaliação imediata e encaminhamento para unidade de emergência.


Não se esqueça de ler isso também ...

Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PUBLICIDADE



 Gilnar