Programa Primeiro Emprego registra mais de 7 mil contratos em dois anos - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Assaltantes levam moto na zona Rural de Itiruçu

Uma moto Honda Bros, cor vermelha e placa NZU-2191 de Itiruçu, foi tomada de assalto por dois elementos armados na região do Assentamento...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Programa Primeiro Emprego registra mais de 7 mil contratos em dois anos

Por: Redação Itiruçu Notícias - sexta-feira, 1 de março de 2019 - 0 Comentários


O Programa Primeiro Emprego, que visa ampliar a capacidade de inserção no mercado de trabalho de egressos do ensino técnico da Rede Estadual de Educação Profissional, chega a dois anos de contratos em vigor no Estado. Atualmente, há 4.847 jovens atuando em diversas instituições públicas pela Bahia e mais de dois mil em empresas privadas. Ao todo, são mais de sete mil contratos nesse período.

Uma das beneficiárias é Grasiele Portugal, 20, que está no programa desde julho de 2017. Moradora do bairro de Plataforma, no subúrbio ferroviário de Salvador, Grasiele estudou no Colégio Estadual Democrático Bertholdo Cirilo dos Reis, em São João do Cabrito, onde cursou o Ensino Médio Profissionalizante – Técnico em Administração, e concluiu em dezembro de 2016.

Quando soube da publicação do seu nome no Diário Oficial do Estado, ela agilizou a documentação para iniciar no trabalho. "Para mim foi um motivo de muita alegria, pois eu já tinha participado de várias seleções de emprego, e não havia nenhum retorno positivo. Estar trabalhando hoje na Saeb é motivo de crescimento pessoal e profissional e eu só tenho a agradecer pela oportunidade", destacou.

A Secretaria da Administração (Saeb) está no programa desde o lançamento oficial, em dezembro de 2016, e deu oportunidade de trabalho a 312 jovens. Na Rede SAC trabalham 215 deles e 97 na própria sede da Saeb, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). Dos que estão nos postos SAC, 51 são na capital, e 37 nas unidades da Região Metropolitana de Salvador (RMS). Além disso, há 114 nos postos do interior e 13 nos Pontos SAC.
 
O Programa Primeiro Emprego é uma ação social de combate ao desemprego dos jovens, promovido pelo Governo do Estado para  inserir egressos e estudantes da Educação Profissional no mercado de trabalho, além de estimular  uma maior dedicação na sala de aula, justamente por contemplar aqueles com melhores  resultados.
 
Com isso, o jovem, após os dois anos de contrato, sairá com a experiência profissional registrada na carteira. Além disso, terá um certificado do Curso de Aperfeiçoamento Profissional, que é obrigatório a todos os beneficiários, durante a execução do contrato, de forma EaD, contendo disciplinas na sua área de atuação e disciplinas gerais, que somam 300h.3


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores