O vereador Ezequiel afirma que agora é a hora de unir as forças - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


O vereador Ezequiel afirma que agora é a hora de unir as forças

Por: Redação Itiruçu Notícias - terça-feira, 11 de dezembro de 2018 - 0 Comentários

O vereador Ezequiel Borges  confirma que segue no mandato de vereador



Depois da eleição do Legislativo itiruçuense o atual presidente Ezequiel Borges respondeu as manifestações tendenciosas segundo ele a respeito da condução das eleições da Câmara de vereadores de Itiruçu.segundo o vereador  todo faz parte do processo político, as articulações são armas usadas para o andamento e evolução dos trabalhos para futuras decisões. 
"Ao contrário ao que afirmam,as eleições  não foram turbulências na casa que fizeram o meu colega o Vereador Nino Presidente, eu também votei nele, e tive o voto do mesmo para estar Presidente, não poderia fazer diferente; também, contrário do que falam, as renúncias dos meus pares dos cargos que ocupavam foram motivadas por outros fins, trata-se de “política”, articulação, convencimento, as decisões são políticas..." comentou Ezequiel

Segundo ele foram julgados os dois processos já julgados (Os relacionados à questão da Presidência) em todos eles os julgados até agora, as decisões favoráveis foram favoráveis a ele, inclusive, advinda do Presidente do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia.
Segundo Ezequiel em todo processo para a eleição fiaram de uma evolução incrível para sua vida e lhe fez enxergar muitas coisas:  "Me fez entender que dar um passo pra trás, recuar é fazer o melhor (não só pra mim) mas para todos, para um grupo, que segue fortalecido é muito bem liderado".  

Ezequiel Borges lembrou citou  um episódio político que passou ha alguns anos atrás, "Eu era  de um "grupo político" quando por uma atitude política, foi privado o direito do candidato que apoiávamos se candidatar, isso não foi bom, lembro que sofri e chorei muito, foi pela primeira vez na história também, mas não teve um pingo de participação no legado de muito boa gestão que fez, uma parcela de colaboração enorme para o desenvolvimento da nossa terra naquela época; O que dignifica o homem é sem homem e mesmo vitimado por atitudes constantes (e políticas) ter estratégia, fruto desta evolução que ganhamos com a política e assim driblar a palavra desistir do nossos dias... Afinal, existem espectadores que sairiam muito mais feliz com essa notícia" .
.
Diante das polêmicas geradas, segundo Ezequiel  ele mesmo quem procurou o Vereador Nino e por conta própria, decidiu não continuar na presidência e comunicou ao vereador  para forma sua chapa e que contasse com o voto dele. 
"Também falei para meu futuro Presidente Nino, que eu estaria pedindo ao meu Advogado que tomasses todas as atitudes jurídicas para que eu assinasse desistido de dar continuidade ao processo (mesmo com as decisões favoráveis a mim). Me senti leve, me senti feliz e em êxtase com o resultado desta “tempestade política” que passei e Graças a Deus (Principal motivador da minha decisão) foi superada e posso afirmar sem um pingo de modéstia que continuarei sendo Ezequiel Borges, continuarei apoiado meus colegas, servindo-os no que puder, e somando forças para continuar-mos nosso trabalho em favor da nossa comunidade" revelou Borges

O vereador  afirmou que agora é a hora de unir as forças "Com o respeito que elevo aos meus colegas, pedindo até desculpa pelas citações em grupo de rede social, quero afirmar que estaremos juntos para apagar o fogo, somos uma Casa de Leis, não território de divisão; Falei hoje na sessão de eleição, que dei o meu melhor, tudo novo pra mim, gerir uma casa de Leis é muito memorável, uma escola política, uma realização prazerosa e desejo de todo meu coração sucesso, estarei posto a servir no que precisar.  Meus respeito colegas".

A partir de 2018 confirmou o vereador Ezequiel Borges que segue no mandato, "reafirmando que darei o meu melhor, sei que não será fácil, por outro lado diminuiu as responsabilidades técnicas e Administrativas, utilizarei esse espaço no tempo e nas forças psicológicas para por em prática muita coisa boa que carrego no coração a serem realizadas por nossa terra".  concluiu Ezequiel Borges


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores