Profº da rede municipal aprovado em doutorado na UFSCAR - SP - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Profº da rede municipal aprovado em doutorado na UFSCAR - SP

Por: Ed Santos - segunda-feira, 3 de dezembro de 2018 - 0 Comentários

Professor foi aprovado em doutorado em educação Universidade Federal de São Carlos.

Itiruçu Noticias

O professor Jucenilton Alves dos Santos, docente da rede municipal de Itiruçu conseguiu aprovação no programa de doutorado em Educação seleção 2019 na linha de pesquisa Formação de Professores e outros agentes educacionais. O professor afirma que na sua trajetória de vida teve experiência como lavrador na colheita de café e vendedor de picolé mas que não se deixou passivo a esse contexto e acreditou que um dia, através da educação, conseguiria o seu espaço no mundo. Na vida acadêmica, o professor possui um currículo cuja produção bibliográfica consta a publicação de vários artigos em periódicos nacionais e um artigo na Universidade Nacional de Córdoba – Argentina, bem como a publicação de um livro, fruto de sua dissertação de mestrado.

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) é uma instituição de ensino superior pública e federal brasileira, com sede no município de São Carlos, no estado de São Paulo. Fundada em 1968, é uma das três universidades federais do estado, ao lado da Universidade Federal do ABC (UFABC) e da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

O Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de São Carlos (PPGE-UFSCar) onde o professor estudará, foi criado em 1975 por um grupo de educadores(as) liderados(as) pelo professor Dermeval Saviani, e iniciou as suas atividades com o curso de Mestrado – um dos primeiros do país – e, em 1991, implantou o curso de Doutorado. O Programa está reconhecido de acordo com a Portaria MEC 524, de 29 de abril de 2008.

"Dentre outras características, o PPGE se destaca por apresentar Linhas de Pesquisa consolidadas e produção acadêmica de referência nacional. Desde 2010, o Programa se organiza em uma Área de Concentração: Educação, que se desdobra em sete Linhas de Pesquisa.
A primeira escola que a vida me permitiu viver foi a experiência maravilhosa como lavrador, na colheita de café dentre outros produtos da agricultura itiruçuense. Não me esqueço também das ruas de minha cidade que também me serviram de escola, onde passei parte de minha infância com um carrinho gritando "olha o picolé!". Antes de fazer minha graduação na UESB, foram muitas as pessoas que colaboraram comigo. Não me esqueço de Cecília, esposa do advogado Paulo Jocy, e suas irmãs Helena e Madalena que lá da capital baiana mandavam materiais escolares para que eu pudesse concluir o Ensino Médio. Como me esquecer das professoras Dalva Regina, Nete Cunha, Núbia Brocchini, dentre outras pessoas que foram luzes em minha vida? Eu sempre cri que aquele menino, trabalhador rural, não ia permanecer passivo àquele contexto de vida e ia conquistar o seu espaço no mundo e a Educação seria o caminho. E foi! A Educação em minha vida permanece sendo o caminho. A conclusão do mestrado na UESB foi apenas mais um passo. Eu tinha sede de mais. Sabia que todo meu esforço, viagens, apresentações de trabalho, escritas, publicações, seminários, simpósios, congressos, não seriam em vão, perdidos, esquecidos. Eu sabia que um dia aquele menino no futuro seria chamado de doutor. Pois é! Passei! Serei doutor de uma universidade FEDERAL."
Eacreveu Jucenilton  em sua pagina na rede social.

Veja currículo de Jucenilton Alves dos Santos:
Mestre em Letras (UESB)
Especialista em Gestão Escolar - Educação a Distância (UFBA)
Especialista em Leitura, Produção e Interpretação de Textos (FIEF)
Especialista em Gestão Educacional (FESPC)
Coordenador Técnico-Pedagógico na Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Itiruçu/BA
Revisor da Revista Educação em Foco - UEMG
Revisor da Revista Discurso em Cena - UnB


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores