Decreto institui RH Bahia como novo sistema de RH do Estado - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Decreto institui RH Bahia como novo sistema de RH do Estado

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 28 de novembro de 2018 - 0 Comentários

Novo software entrará em operação em todo o Poder Executivo Estadual a partir de janeiro de 2019. 



Itirucu noticias

Publicado nesta terça-feira, 27 de novembro, no Diário Oficial do Estado o decreto n0 18.727 que institui o RH Bahia como sistema de Recursos Humanos do Poder Executivo Estadual. O documento assinado pelo governador Rui Costa dispõe sobre os produtos e serviços que serão disponibilizados pelo novo sistema, as responsabilidades dos órgãos e entidades que integram a iniciativa, entre outras deliberações essenciais para a implantação do software, que irá automatizar mais de 90% dos processos de Recursos Humanos do Estado.


“O decreto estabelece regras fundamentais para as últimas providências necessárias à transição para o novo sistema, deixando claro os papeis e atribuições de todos os envolvidos na iniciativa”, explica o superintendente de Recursos Humanos do Estado, Adriano Tambone.

Com entrada em operação em todo o Estado definida para 1o de janeiro de 2019, o projeto capitaneado pela Secretaria de Administração do Estado da Bahia (Saeb) irá possibilitar a gestão unificada da administração de Recursos Humanos e da folha de pagamento do Estado, integrando ainda processos como Recrutamento e Seleção, Planejamento Remuneração, Treinamento e Formação, Planejamento de Custos, Aposentadoria e Pensão, entre outros.

   Atribuições on-line  – Entre as novidades anunciadas no decreto estão os procedimentos que passarão ser executados on-line por gestores e chefes imediatos de todos os níveis, por meio do Portal de Serviços do RH Bahia (www.rhbahia.ba.gov.br).  Com o novo sistema, as lideranças deverão usar o endereço eletrônico, por exemplo, para validar o quadro de pessoal, acompanhar e efetuar assunção e reassunção dos subordinados, assinar atos, além de gerir e aprovar programação de férias e outros requerimentos realizados pelos servidores, também por meio do Portal.

O decreto de instituição do RH Bahia dispõe ainda sobre o serviço de atendimento de suporte técnico (Service Desk) de autoriza a Saeb e demais órgãos e entidades a desenvolver as ações necessárias para viabilizar a  transição para o novo sistema, no período conhecido como blackout. Nesta fase - imediatamente anterior à entrada em operação do RH Bahia - as equipes de RH ficarão sem o suporte de um sistema informatizado, já que a inclusão de novas ocorrências no antigo Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIRH) precisará ser bloqueada. A previsão é de que uma portaria seja publicada em breve, com orientações e regras para o período do blackout.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores