Professor Amapaense fatura meio milhão de reais - Itiruçu Notícias - Vocé conectado com a informação
Arrow
NOTÍCIA EM DESTAQUE

Itiruçuense Joselito Fróes ganha Festival de Música

Aconteceu na noite desta segunda-feira (27), o II Festival de Música Junina de Santo Antônio de Jesus, promovido pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Juventude. O evento de autoria da atual gestão municipal, teve início em 2018 e tem como objetivo valorizar os artistas locais, fomentando assim a arte e cultura da cidade.

Com a presença mais que especial do cantor e músico Adelmario Coelho, que integrou o júri, o festival contou com 12 músicas autorais, que tinham que conter obrigatoriamente a frase “Viva o Nordeste Brasileiro”. Os jurados deram suas notas baseados em seis critérios: letra, adequação ao tema, melodia, afinação, postura de palco e tempo estipulado.

A musica vencedora foi "Minha Terra" composição de Joselito Fróes e Reginaldo Silva, que se tornará a música-tema do São João 2019. Com o primeiro lugar aa dupla faturou um prêmio de R$ 4.000 e participará da programação do Melhor São João. ....CONTINUE LENDO

HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa. ...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS



BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Professor Amapaense fatura meio milhão de reais

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 15 de outubro de 2018 - 0 Comentários

Fellipe de Oliveira não abandonou a docência mesmo quando foi empreender



Barulho nos corredores, lousa e giz na mão essa é a rotina de Fellipe desde que tinha 17 anos de idade. O amapaense descobriu a paixão em ensinar quando ainda era menor de idade. Como tinha facilidade com a língua inglesa começou ensinando os amigos e conhecidos, e a vida tomou o seu rumo natural. Ele começou a lecionar em uma escola de idiomas. Na época, o professor já se incomodava um pouco com os métodos de ensino que envolvia de 3 a 4 anos de permanência desse aluno(a) na instituição e pensavam em como encurtar esse período.
Dos 17 aos 22 anos, Fellipe resolveu ir além da sala de aula e compreender o funcionamento da escola como um todo. Desde a parte gerencial, a administrativa, passando pela formação pedagógica daqueles que lecionavam com ele, e etc. E percebeu que não era só em educar que era um bom executor. Notou que ao compreender melhor o sistema da escola conseguiu reter mais alunos, melhorar a própria didática e pensar em várias estratégias de negócios que faria diferente se fosse dono daquele espaço.

Do conhecimento da operação das escolas, vontade de ter o próprio negócio relacionado ao ensino, e um bom mapeamento do Amapá, Fellipe decidiu que iria começar a se esforçar para poupar para a realização do seu sonho de ter a própria escola. " Foi muito difícil economizar o pouco que eu ganhava porque eu ainda ajudava em casa. Não foi nada fácil. Deixava de me divertir, viajar, e etc. Mas, algo dentro de mim falava que eu seria capaz de ter a minha escola e formar professores. E continuar ajudando milhares de jovens e adultos a terem conhecimento. O conhecimento sempre foi o que me moveu e a vontade de oferecer mais para cada estudante", relembra Oliveira.
Em 2015, Fellipe já estava com 29 anos, e resolveu investir na sua própria escola! A franquia escolhida foi a Minds English School justamente pelo seu método de 18 meses, período que o o professor acredita ser suficiente para o estudante aprender inglês de verdade, pela tecnologia avançada e preço justo. " Quando percebi que tinha o capital necessário para investir na minha escola comecei a pesquisar todas as franquias educacionais disponíveis. A Minds com certeza foi a que chamou mais a minha atenção porque o ticket médio tem um valor acessível e além disso, a franqueadora apoia muito quem está começando. Assim, optei pela rede que olharia por mim, pelos alunos, e pela comunidade do Macapá" explica Fellipe de Oliveira.

O professor frisa a ajuda dada a comunidade porque a Minds English School tem vários projetos sociais no Norte do país. Que vão desde de doação de bolsas de estudo a cursos de recapacitação profissionais. Tudo gratuito. E isso foi uma ações da rede que chamou a atenção do franqueado..
No começo desse mês, após três anos no Macapá, o professor e empreendedor Fellipe de Oliveira comemora a nova sede da Minds. Ele conseguiu adquirir um prédio próprio para instalar a unidade. Fica na Zona Sul da cidade e por coincidência a inauguração do espaço acontece no mesmo mês que se comemora o Dia dos professores.

" Acredito que comemorar o dia dos professores em um novo espaço com uma equipe realmente boa de docentes e continuar lecionando era realmente o meu grande sonho. Ser professor, na minha opinião, é mais do que uma profissão. É um ofício. E é por isso que mesmo como franqueado e dono da minha unidade jamais deixei de lecionar. Eu amo a educação e acredito nela" , finaliza Fellipe.
A escola do Macapá faturou meio milhão de reais ano passado e a previsão para 2018 é de 700 Mil. Emprega mais de 15 pessoas e assim como Fellipe vários alunos já se toraram professores.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS