Município de Jequié completa 30 dias sem crimes contra a vida - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Município de Jequié completa 30 dias sem crimes contra a vida

Por: Redação Itiruçu Notícias - sexta-feira, 14 de setembro de 2018 - 0 Comentários

Apoio: Comparando os meses de agosto de 2018 ao ano anterior, a redução das mortes violentas foi de 700%. 



O município de Jequié, distante 365 dias da capital, completou, nesta quinta-feira (13), 30 dias sem Crimes Violentos Letais Intencionais – homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte. Em agosto, quando comparado com o mesmo período de 2017, a redução foi de 700%, nas mortes violentas.
Os bons números são reflexos das ações policiais desenvolvidas na região para identificar os criminosos, apreender armas e desbaratar quadrilhas, principalmente de tráfico de drogas.
De acordo com o titular da Delegacia Territorial (DT/ Jequié), Moabe Macedo, uma operação realizada com o apoio da Coordenação de Monitoramento e Avaliação do Sistema Prisional (Coordip) da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), revelou que os principais mandantes dos homicídios estavam no sistema prisional. “Conseguimos a transferência de alguns integrantes das quadrilhas para o Presídio de Serrinha e reduzimos os índices”, revelou.
O último CVLI na cidade teve motivação passional e o criminoso já foi identificado. “Carlos dos Santos Xavier, assassino do guarda municipal Washington Sousa Pereira, vem sendo procurado. Pedimos o apoio da população na sua busca”, esclareceu o delegado.
Além disso, as revistas realizadas nas celas e as operações realizadas nas ruas contribuíram com a redução. O comandante do 19ª Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Itamar Gondim, revelou que as unidades especiais e ordinárias intensificaram as patrulhas fora do sistema penitenciário para chegar aos executores.
 Foto: Wikipédia


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS