Morre em Itiruçu aos 61 anos "Maria de Gerson" - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Morre em Itiruçu aos 61 anos "Maria de Gerson"

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 10 de setembro de 2018 - 0 Comentários


 Itiruçu está de luto  pela morte de sua filha ilustre e querida por aqueles que lhe conhecia





Faleceu  Maria Edna Souza carinhosamente chamada por "Maria de Gerson". Maria era polêmica mas também muito carinhosa com os amigos e tinha muito carisma alem do dom de uma boa oratória.
A causa de sua morte não foi divulgada, porem ela já vinha se tratando de uma enfermidade a bastante tempo vindo a óbito na tarde desta segunda-feira. Maria deixa dois filhos Vitor Hugo e Débora

Um texto do Radialista e poeta Joselito Fróes descrever  "Maria de Gerson":

"Se tinha uma coisa marcante em Maria de Gerson, era a sua autenticidade. Ela sempre bateu de frente em busca da verdade e disso, ela não abria mão. 
Mulher de discurso fácil, de sorriso leve, de personalidade forte e de alma boa. Sempre fez questão de marcar a sua posição política e se algo no seu ponto de vista estava errado, ela fazia questão de falar cara a cara e fazia isso muito bem também nas redes sociais numa linguagem fácil e verdadeira. 
Assim era Maria de Gerson! Sempre falei com orgulho que tive a honra de aprender um pouco da alfabetização quando ela ainda ensinava em um casarão entre a casa de Alto e a casa de Licinho Pires (no início da Rua da Lancha), não me lembro a quem pertencia esse casarão na época, mas era lá que eu a encontrava. Comigo, um lápis, um caderno, uma tabuada e muita vontade de aprender e confesso que aprendi. 
Obrigado professora! As ruas da Boa Terra ficarão vazias com a sua partida, mas na lembrança, uma mulher forte, bonita, elegante, vistosa na sua calça jeans, com a sua bolsa sustentada pelo ombro e um sorriso tão particular. 
Que você Maria de Gerson descanse em paz!"
Foto Wilson Novaes


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS