Ministério Público recomenda rejeição do recurso de Lula no STF - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Ministério Público recomenda rejeição do recurso de Lula no STF

Por: Redação Itiruçu Notícias - sábado, 8 de setembro de 2018 - 0 Comentários

Decisão de aceitar ou não o recurso cabe a Rosa Weber, presidente do TSE. 



O vice-procurador-geral Eleitoral, Humberto Jacques, enviou ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) 1 parecer recomendando que o recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não seja enviado para o STF (Supremo Tribunal Federal). A defesa do petista tenta reverter a decisão que negou o registro da candidatura do ex-presidente por conta da lei da Ficha Limpa.
No documento, Jacques argumenta que não cabe discussão de matéria constitucional, uma vez que “a constitucionalidade da Lei da Ficha Limpa já havia sido declarada constitucional pelo Supremo Tribunal Federal com eficácia para todos”.
O vice-procurador afirma ainda que Lula, ao tentar adiar o desfecho em relação à candidatura, age “desprovido de boa-fé”.
“Sua conduta é capaz de imprimir indesejável instabilidade às relações políticas, excedendo, portanto, os limites sociais ao exercício do direito. Por fim, ao assim proceder, dá causa ao dispêndio de recursos públicos a serem empregados a uma candidatura manifestamente infrutífera”, declara.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação