Jaguaquara e Brejões lideram na região em casos de estupro - Itiruçu Notícias
Arrow
formatura do Proerd em Itiruçu - Imagens Wilson Novaes


Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Jaguaquara e Brejões lideram na região em casos de estupro

Por: Redação Itiruçu Notícias - sexta-feira, 10 de agosto de 2018 - 0 Comentários

No Vale do Jiquiriça sete municípios totalizam 15 casos de estupros.



A edição de 2018 do Anuário Brasileiro de Segurança Pública apontou que a Bahia teve, em 2017, aproximadamente 9 estupros por dia e pelo menos uma tentativa. Com 3.270 registros pelo estudo, a Bahia concentraria 5% dos casos de violência sexual do país. Ainda conta nos registro que ouve 416 tentativas de estupros.  no Brasil ouve 60018 casos e 5997 tentativas.
Segundo a Secretaria da Segurança Pública da Bahia, o Vale do  Jiquiriça  registrou no período de janeiro a março, 15 casos de estupro: Jaguaquara lidera com 06 registros, seguida de  Brejões  (03), Itaquara (02), Maracás, Nova Itarana, Planaltino, e Santa Inês (01).

Em relação a 2016, ainda segundo o anuário, a Bahia assistiu a um crescimento no número de estupros. Foram 2.845 contra 3.270 em 2017, o que representa um aumento de 14,4%. Nas tentativas tiveram 366 casos em 2016 para 416 em 2017, aumento de 13,2%.
Roraima, Acre e Rio Grande do Norte são os estados brasileiros com menos casos de estupro: Foram 193, 210 e 213, em 2017, respectivamente. São Paulo com   11089 casos de estupros, seguido por Rio de Janeiro com  4.705, Minas Gerais  4.692,  Paraná  4.493 e Rio Grande do Sul    4.079 são os campeões desta triste estatística.

A base de dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública levou em consideração informação de Secretarias Estaduais de Segurança Pública e  Defesa Civil, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. A fonte dos dados é o SINESP. Não especifica se inclui estupro de vulnerável.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif