Isaquias conquista primeiro ouro do Brasil no Mundial de Canoagem - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Isaquias conquista primeiro ouro do Brasil no Mundial de Canoagem

Por: Redação Itiruçu Notícias - sexta-feira, 24 de agosto de 2018 - 0 Comentários

 Isaquias mostrou estar com a estratégia afinada na finalíssima.






Saiu a primeira medalha de ouro do Brasil no Mundial de Canoagem e Paracanoagem, que está sendo realizado em Portugal. E não podia ser de outro atleta se não Isaquias Queiroz, principal nome brasileiro do esporte. Na categoria C1 500 m, o baiano completou o percurso em 1min49s203, superando seu algoz das Olimpíadas de 2016, o alemão Sebastian Brendel, em final emocionante nas águas de Montemor-o-Velho.
Isaquias mostrou estar com a estratégia afinada na finalíssima. Largando atrás, assumiu a dianteira após os primeiros 250 m e não saiu mais. Chegou a abrir boa vantagem em relação a Brendel, que se manteve na cola do brasileiro até o final, e, mesmo com a disputa apertando nos metros decisivos, Isaquias suportou a pressão do alemão e cruzou a linha de chegada 0,293 segundos antes do rival.
A terceira posição ficou com o último campeão da prova Martin Fuksa, da República Tcheca, que desta vez teve de se contentar com o bronze.
Esta é a quarta medalha de ouro de Isaquias Queiroz em Mundiais, a terceira na C1 500 m (2013 e 2014). O baiano, que deixou as Olimpíadas de 2016 com duas medalhas de prata e uma de bronze, enfim voltou a comemorar uma primeira posição e ainda tem a chance de faturar mais uma dourada para o Brasil em Portugal. Neste sábado, o atleta de 24 anos de idade disputará outra final, desta vez na categoria C1 1000m.
“Olha, não sei muito inglês… Estou muito feliz de ter ganhado do Brendel, ter ganhado do Fuksa, meu terceiro mundial do C1 500m, e agora é descansar para ganhar desses monstros no C1 1000m”, comentou Isaquias, após o título desta sexta-feira, em entrevista ao canal SporTV.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação