Documentário: Um conflito ainda aberto que mudou para sempre este país - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Assaltantes levam moto na zona Rural de Itiruçu

Uma moto Honda Bros, cor vermelha e placa NZU-2191 de Itiruçu, foi tomada de assalto por dois elementos armados na região do Assentamento...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Documentário: Um conflito ainda aberto que mudou para sempre este país

Por: Ed Santos - quinta-feira, 12 de julho de 2018 - 0 Comentários

Este filme é dedicado a TODAS as vítimas deste conflito


Este é o meu primeiro documentário, um trabalho totalmente independente, onde testemunhos de jornalistas que trabalharam no campo de atores conflito, pessoas anônimas .... para contar a história do que aconteceu na Ucrânia são coletados durante este Último ano. Um conflito ainda aberto que mudou para sempre este país. Pretendo contar a história com o tempo necessário, sem normas de televisão, para dedicar os minutos necessários para explicar algo tão complexo. Eu também pretendo me distanciar dos dogmas de propaganda de ambos os lados. Espero ter conseguido isso. Neste documentário são muitas e muitas horas de trabalho abnegado, usando apenas as imagens que eu tomei, então eles podem estar ausentes capítulos alguém considera importantes, mas eu tentei fazer o trabalho mais honesto possível, então eu decidi apenas falar e mostrar o que que eu vi através da minha câmera. Este filme é dedicado a TODAS as vítimas deste conflito.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores