Criança de rua é proíbida comer em Shopping em Salvador - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Criança de rua é proíbida comer em Shopping em Salvador

Por: Itiruçu Notícias - terça-feira, 12 de junho de 2018 - 0 Comentários

Jovem tentar pagar comida para uma criança mas é impedido por segurança do Shopping



Na última segunda-feira (11) um Jovem identificado  por Kaique Sofredine . foi impedido por segurança do Shopping da Bahia, em Salvador (BA), de comprar comida para uma criança que estaria com fome e pediu comida ao rapaz.
A vítima postou um vídeo da ação, que superou a marca de 7 milhões de visualizações. Kaique tenta comprar um almoço para o menino em um estabelecimento na praça de alimentação do shopping mas um segurança aparece e diz que a criança não irá comer ali, sem dar justificativa.
"Fui pagar um almoço para uma criança e o segurança disse que ela não ia comer", contou. É possível ver pelas imagens que Sofredine tentou efetuar o pagamento da comida, mas é impedido quando o segurança "empurra" a criança e o jovem o protege.
"Estou muito revoltado com isso que aconteceu hoje, fui pagar um almoço pra uma criança e o segurança disse que ele não iria comer , foi uma longa discussão até Chamar o supervisor dele e por fim o supervisor deixar o menino comer no shopping". relata o jovem teve apoio de uma mulher que estava no mesmo local e gravou a ação.
Em nota a imprensa  a direção do  Shopping Bahia pediu desculpas pelo ocorrido. "A postura adotada não condiz com o treinamento recebido pelos funcionários, tanto que a atitude tomada pelo supervisor de segurança reforça o direito do cliente e o acolhimento com a criança".
Pela redes sociais e noticiários pela imprensa foi revelado que o ocorrido é rotineiro no shopping, porem agora foi divulgado em dimensão que levou a  conhecimento a nível nacional
 A vítima postou um vídeo da ação, que superou a marca de 7 milhões de visualizações. A criança mora com a mãe na periferia de Salvador e vende doce e balas em frente ao Shopping.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores