Caminhoneiros param contra aumento dos combustíveis. Vem mais aumento ai! - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Caminhoneiros param contra aumento dos combustíveis. Vem mais aumento ai!

Por: Ed Santos - segunda-feira, 21 de maio de 2018 - 0 Comentários

Resultado de imagem para greve dos caminhoneiros
A grave de caminhoneiros contra o aumento no preço dos combustíveis atingem 11 estados, nesta segunda-feira (21), com fechamento de rodovias federais. As paralisações convocadas pela Associação Brasileira de Caminhoneiros (ABCam) e pela Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) põem Michel Temer contra a parede, pois, segundo os grevistas, o preço do diesel subiu 60% desde julho de 2017. Eles querem redução de 50% no combustível.

Entretanto, parecendo provocação aos profissionais da boleia, a Petrobras anunciou hoje elevará os preços do diesel em 0,97% e os da gasolina em 0,9% nas refinarias a partir desta terça-feira (22). Ou seja, a situação vai piorar nas próximas horas para os cerca de 700 mil caminhoneiros autônomos que transportam o país pelas estradas estaduais e federais.

A PRF contabiliza nove pontos de interdição na Bahia. Dois deles na BR-101 (kms 672 e 920); e outros dois na BR-324 (km 530 e km 430). Há também duas interdições na BR-407 (kms 131 e 230), e na BR-116 na região de Itatim, Jequié e Vitória da Conquista; e um na BR-242 (km 875).

Em Minas Gerais, de acordo com a PRF, há 13 interdições causadas pelo protesto dos caminhoneiros nas rodovias federais. Seis delas na BR-040 (kms 511; 618; 628; 699; 780 e 808). Há também três pontos da BR-381 (km 513; km 617; km 690). Os demais pontos de interdição estão no km 504 da BR-251 e nos km 368 e km 412 da BR-262.

Os caminhoneiros interditaram quatro pontos em Goiás. Dois deles na BR-050 (kms 97 e 279); um ponto de interdição no km 10 da BR-040, na altura de Luziânia, e outro no km 699 da BR-153.

No Paraná há registro de manifestações na BR-376 (km 257 e km 502); e em dois pontos da BR-153 (km 43, em Santo Antônio da Platina, e no km 112, em Ibaiti). Segundo a PRF local, nesses pontos há, no máximo, uma faixa interditada. Já a PRF nacional aponta outros três pontos de interdição no Paraná por conta do protesto dos caminhoneiros: dois deles na BR-277 (km 6, altura de Paranaguá; e km340, na altura de Guarapuava). Outra interdição foi reportada na BR 116 (km 67, altura de Campina Grande do Sul). Há também uma interdição em andamento desde o final de semana no km 441 da BR-373. Esta, no entanto, se deve a protestos feitos por indígenas da região de Candoi.

Das duas interdições registradas pela PRF em Mato Grosso, uma foi feita por caminhoneiros (km 392 da BR-364). A segunda interdição, no km 1243 da mesma rodovia, é feita por indígenas. Em Mato Grosso do Sul, há registro de duas interdições devido aos protestos (km 365 da BR-267; e km 478 da BR-163)

Há também um ponto interditado no Ceará (km 419 da BR-020, próximo a Maracanau); dois pontos da BR-101 no Espírito Santo, na altura do km 204 e km 302.

Já no Rio Grande do Sul há dois pontos de interdição feitos por caminhoneiros, na BR-101 (km 22, altura de Três Cachoeiras); e na BR-392 (km 350, na cidade de Santa Maria).

O Rio de Janeiro apresenta um ponto de interdição por conta dos protestos, no km 276 da BR-116. Há um outro ponto de interdição em Pernambuco, no km 83 da BR-101.

O clima é de somatória no numero dos revoltosos com a escalada de preços e o numero de grevistas só aumentam.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS