“Ninguém está acima da lei, mas também não está abaixo dela”, diz Alex Lima - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


“Ninguém está acima da lei, mas também não está abaixo dela”, diz Alex Lima

Por: Itiruçu Notícias - quinta-feira, 5 de abril de 2018 - 0 Comentários

Deputado disse que julgamento do STF foi tudo menos um julgamento técnico 


 

O deputado estadual Alex Lima (Sem Partido) comentou sobre o julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula, ocorrido ontem no Supremo Tribunal Federal (STF) e alertou sobre a falsa sensação de normalidade institucional que o país vive. “Os golpes são feitos para durarem cerca de 20 anos. Portanto, o que vimos ontem foi tudo menos um julgamento técnico. Assistimos à mais uma etapa do golpe que contribui com esta falsa sensação de normalidade institucional que estamos vivendo. Atualmente temos as Forças Armadas opinando na decisão do Supremo. O Supremo decidindo no lugar do Executivo e o Executivo querendo decidir pelo Legislativo. Isso é tudo, menos um regime democrático”, disse o deputado.
Alex Lima ainda aproveitou o momento para chamar a população brasileira para uma reflexão sobre a democracia. “Ninguém está acima da lei, mas também não está abaixo dela. O mínimo que a presidente do STF deveria fazer era pauta Ação Direta de Constitucionalidade, mas ela politizou pautando só o Habeas Corpus. Eu não posso conceber que um ministro da Suprema Corte tome decisões sob pressão da grande mídia e, inclusive, das Forças Armadas. Isso não é um regime democrático. Independente de gostar do Lula ou não, é preciso ter discernimento para entender que está tudo errado”, disse o deputado, alertando sobre a importância da democracia. “A instabilidade politica começou em 2014, quando a oposição perdeu a eleição e pediu a recontagem das urnas. Tenho certeza que a prisão do Lula só vai acirrar o ódio e trazer mais instabilidade para o país. É hora de refletir e entender que tudo que o Brasil precisa é de paz e só existe paz numa democracia”, finalizou.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores