Arrow
NOTÍCIA EM DESTAQUE

Itiruçuense Lara Pelagatti vence o Concurso Miss Bahia Teen 2019

A itirucuense Lara Giovanna Pelagatti de 16 anos, conquistou na noite deste sábado (17/08)no Teatro Diplomata, em Patamares na capital baiana, o título da 10ª edição do Concurso Miss & Mister Bahia Teen 2019 , representando a cidade de Itiruçu. A menina foi avaliada por um corpo de 12 jurados que são formadores de opiniões e profissionais da área de moda, fotografia, estética, jornalista, produtores, e Ex-Miss e Mister Bahia, sendo eleita a Miss Bahia Teen 2019 . Com tema “Revivendo as tradições Baianas” foram avaliados postura, andamento, simpatia, plástica, desenvoltura, estética e beleza com notas de 01 (um) a 05 (cinco)...CONTINUE LENDO


HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

Dazo: Um exemplo de vida
Figura muito dócil e querida em toda Itiruçu, alegre e de temperamento fácil, cativante e prestativo; Estou falando de Gildásio Rodrigues de Souza, ou simplesmente DAZO, filho de D. Cecília, irmão de Lucy e Jaime Boró, e cunhado de Didi...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Fé realiza os desejos de nossos corações


A Fé é acreditar que uma coisa é verdade e agir de acordo com essa crença. Todo mundo tem fé em alguma coisa. A Bíblia diz que devemos ter fé em Deus e no Seu poder para mudar nossa vida. Somos salvos pela fé em Jesus.
“Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa àqueles que o buscam.” - Hebreus 11:6.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BÍBLICOS


BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI



Alba promoverá audiência pública para discutir fechamento da Fafen

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 28 de março de 2018 - 0 Comentários

Encontro está marcado para o próximo dia 9 de abril, às 10h, no Plenário



O fechamento da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados da Bahia (Fafen-BA), uma unidade da Petrobras localizada no Polo Petroquímico de Camaçari, será pauta de uma Audiência Pública na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), no próximo dia 9 de abril, às 10h, no plenário da Casa de Leis do estado.


O encontro foi proposto pela presidência da Alba, após solicitação do deputado Rosemberg Pinto (PT), um dos articuladores na defesa da planta de fertilizantes. O parlamentar petista é ex-funcionário da Fafen, empresa que trabalhou durante 34 anos. Primeira fábrica do Polo, a Fafen produz anualmente meio milhão de toneladas de ureia, de amônia e de gás carbônico, produtos fundamentais para o desenvolvimento da agricultura e da pecuária na Bahia e no Brasil.
“Estamos convocando toda a sociedade baiana, os trabalhadores, empresários, governantes e parlamentares para essa atividade em defesa da Fafen. Temos que resolver esse problema, de uma vez por todas, e garantir que a Fafen continue produzindo na Bahia e em Sergipe”, defendeu Rosemberg.
A Petrobras anunciou na semana passada o fechamento das plantas de fertilizantes da Bahia e Sergipe e a venda das unidades do Paraná e Mato Grosso do Sul. Na Bahia, com a paralisação das atividades, 700 postos diretos de trabalho poderão fechados e haverá impactos em toda cadeia produtiva do setor. As substâncias produzidas pela Fafen são utilizadas como matéria-prima em outras empresas do Polo Petroquímico, o que pode acarretar mais demissões. O Grupo Unigel, por exemplo, é o principal cliente da Fafen. Cerca de 95% da produção de amônia é direcionada à empresa e, sem a matéria-prima, a planta para, como já anunciou o diretor industrial da empresa, Edson de Paiva Alves. A Unigel, com plantas em Camaçari e Candeias, é a maior produtora de acrílicos e estirênicos da América Latina.

Nesta terça-feira (28), após pressão de diversos setores, o presidente da Petrobras, Pedro Parente, anunciou a suspensão, nos próximos 120 dias, do fechamento da Fafen. A medida passa a contar a partir do próximo dia 30 de junho. Até lá, um grupo de trabalho será formado por representantes da petrolífera brasileira, da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) e de Sergipe (Fies), dos governos estaduais de ambos os estados, além de representantes dos trabalhadores. O objetivo é buscar alternativas que viabilizem a manutenção das duas fábricas.
Fotos: Divulgação / Ascom / Fafen-BA


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS