Paraíso do Tuiuti faz desfile de prostesto histórico na Sapucai - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Paraíso do Tuiuti faz desfile de prostesto histórico na Sapucai

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018 - 0 Comentários

Enredo com o Vampirão presidente, patos paneleiros manipulados, "coxinhas", e aos gritos da plateia  de  "Fora Temer".


Sobre o o refrão "Meu Deus! Meu Deus! Seu eu chorar não leve a mal Pela luz do candeeiro Liberte o cativeiro social. Não sou escravo de nenhum senhor. Meu Paraíso é meu bastião. Meu Tuiuti o quilombo da favela. É sentinela da libertação..." a  Paraíso do Tuiuti fez uma dura crítica social e política ao desfilar tendo como enredo a escravidão.

Alas  crítica aos manifestantes manipulados, que ficaram conhecidos como "coxinhas", representados por fantoches com a camiseta da CBF, em um pato amarelo e batendo panela, além de várias referências à luta pelos direitos trabalhistas (CLT) e o ápice do desfile: um vampiro com a faixa presidencial uma clara alusão ao presidente Michel Temer (MDB). No mesmo carro, que representava um novo navio negreiro, a fantasia era de manifestantes de camiseta da seleção brasileira como fantoches sendo guiados por mãos de colarinho branco, que levou à plateia aos gritos de "Fora Temer".


Na transmissão da Globo  deu-se para perceber uma transmissão tensa e cheia de omissões, ao passar o Carro "manipulação dos paneleiros" provocou um silencio constrangedor nos comentaristas da  TV e imagens rápidas da ala. O silêncio dos comentaristas principais, sendo quebrado pelo comentário de “É o vampirão”, representação do presidente Michel Temer, feito pelo carnavalesco Milton Cunha. O narrador Alex Escobar deu então uma risada irônica, mas logo trocou o assunto para o samba-enredo da escola.
Nas redes sociais varias manifestações: "Não consegui conter as lágrimas!! De arrepiar! Que soco na cara da  Globo, na cara da sociedade.. Tuiuti ganhou meu coração!!!Campeã!!! disse um dos comentários.
Em outro comentários foi dito:  "Tuiuti lavou a alma de milhões.Globo passou batida pelas alas dos trabalhadores com a carteira de trabalho e logo após os patos paneleiros manipulados. Câmera correu e quase não comentaram. Ultimo carro tbm , do maldito Temer, passou de passagem. Nem destaque deram. Esperar o que dessa emissora de ....??"
Veja vídeo do desfile:


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores