Itapitanga: Prefeito morre! A suspeita é de ter cometido suicídio - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Itiruçu: Plantão Escolar de matriculas vão até dia 08/02

A secretaria de Educação  do município de Itiruçu está realizado o esquema de plantão escolar matriculas em toda rede municipal de ens...


EDITORIAL

Refletindo: Histórias da politica de Itiruçu: O Otimista

Essa quem contava era o saudoso amigo Aguinaldo Pires (Gal Pires), ex- vereador e ex-presidente da câmara de Itiruçu, grande contador de causo, que morreu há três anos em um trágico acidente na BR-116 nas imediações de Itatim – BA.
1962, ano de eleição, em Itiruçu a disputa foi entre Valdeck Almeida (UDN), candidato do ex- prefeito Zé Bonfim e Josias Duarte (PSD), apoiado por Vivaldo Bastos e pelo ex-prefeito Geir Magalhães, tinha o povoado do Upabuçu como seu reduto eleitoral. Em um comício em Upabuçu, Josias percebeu certo desânimo no eleitorado, a incerteza da vitória era flagrante.
CONTINUE LENDO


COLUNA Êta lê lê



Êta lê lê Segunda-feira gorda do foguetório

Ao ter suas contas aprovadas por 7 a 2 na última sessão da Câmara de Vereadores da Boa Terra, o ex-prefeito Wagner Novaes era só alegria. Como os estampidos das bombas eram ouvidos nos quatro cantos da cidade, muitos ficaram imaginando o que teria acontecido:

"Quem chegou ou está indo para Bom Jesus da Lapa?";
"Hoje é festa de que Santo?";
"Aniversário de quem?";
"Quem tá jogando hoje?"

O que muitos não sabiam, era que a festa tinha um nome, Wagner Novaes. Este celebrava a vitória em casa, já que um pouco distante, 7 edis lhe dariam a honra de aprovar as suas contas públicas.

CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Itapitanga: Prefeito morre! A suspeita é de ter cometido suicídio

Por: Redação Itiruçu Notícias - quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018 - 0 Comentários

Alvo da operação Vassoura de Bruxa o prefeito seria ouvido no inquérito nas próximas semanas


Na manhã desta quinta-feira, 15, foi encontrado morto em sua residência o prefeito de Itapitanga, Dernival Dias Ferreira (PSB). Segundo informações o corpo do prefeito estava no quarto, em cima da cama, com um ferimento no peito e do lado  estava um revólver . 
A Policia trabalha com duas linhas de investigação, a de suicídio pelos indícios encontrados no quarto do prefeito, mas também a de um possível assassinato, porém com dúvidas, pela ausência de relatos dos vizinhos sobre uma possível movimentação de veículos ou barulho no horário da ocorrência.
Dernival, era prefeito de Itapitanga pela terceira vez, além de ter feito seu sucessor na eleição de 2012, completando quatro mandatos de liderança frente a política local. O prefeito era investigado pela operação da Polícia Federal (PF) Vassoura de Bruxa e em janeiro deste ano, a pedido do Ministério Público Federal (MPF) em Ilhéus, a justiça determinou o bloqueio de bens no valor de R$ 2.346.431,84, do prefeito e de mais 36 investigados pela polícia.
Segundo o MPF, os alvos da operação eram investigados por irregularidades no uso de verbas públicas nos anos de 2007 e 2008. Na ocasião, eles teriam desviado do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), Salário Educação, SUS (Sistema Único de Saúde), Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e seria ouvido no inquérito nas próximas semanas. São muitos rumores e hipóteses para caracterizar o que de fato aconteceu. 

Foto reprodução ipolitica
Apenas a perícia realizada pela polícia poderá indicar o que de fato ocorreu, pois será feita a análise das impressões digitais na arma, a questão da análise da pólvora nas mãos do prefeito, se existem vestígios, a posição em que ele foi atingido. O corpo do prefeito será velado hoje dia 15 de fevereiro em Itapitanga e amanhã dia 16 seguirá para ser sepultado em Jucuruçu, terra natal do prefeito que também tem raízes em Itamaraju.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores