"Vou disputar o governo de São Paulo. Quando Alckmin renunciar" - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


"Vou disputar o governo de São Paulo. Quando Alckmin renunciar"

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 18 de setembro de 2017 - 0 Comentários


Márcio França não disfarça a empolgação de quem está prestes a assumir o segundo maior orçamento do Brasil. Vice-governador de São Paulo, este político do PSB deve ser alçado ao comando do Estado entre janeiro e abril de 2018, quando Geraldo Alckmin irá se licenciar para disputar a presidência da República. Mas as ambições deste nativo de São Vicente, litoral paulista, são maiores do que ser governador em exercício: ele pretende, com ou sem o apoio dos tucanos, disputar a reeleição em 2018. Apesar de se considerar um político de esquerda, França rasga elogios ao governador, nega que o tucano seja “de direita” e afirma que, caso eleito, seu mandato será de “continuação”. “O Alckmin fez muitas coisas que devem ser mantidas. Mas é claro que cada um quando governa põe um pouco do seu perfil. Meu perfil é mais social”, afirma.
Aos 54 anos, o vice-governador - que já foi prefeito de sua cidade natal por dois mandatos - se gaba de nunca ter mudado de partido, defende as ações polêmicas da Polícia Militar, e diz que é mais fácil “encontrar elefante voando” do que Alckmin metido em alguma confusão: “ele é a própria expressão de um monge franciscano, em termos de humildade e retidão”. O governador é alvo de inquérito na Operação Lava Jato, e teve suas gestões à frente do Estado marcadas por escândalos de corrupção como o trensalão.
Prisa Noticias


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação