Para Gilmar Mendes, elogia Raquel Dodge e critica de Janot - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Itiruçu: Plantão Escolar de matriculas vão até dia 08/02

A secretaria de Educação  do município de Itiruçu está realizado o esquema de plantão escolar matriculas em toda rede municipal de ens...


EDITORIAL

Refletindo: Histórias da politica de Itiruçu: O Otimista

Essa quem contava era o saudoso amigo Aguinaldo Pires (Gal Pires), ex- vereador e ex-presidente da câmara de Itiruçu, grande contador de causo, que morreu há três anos em um trágico acidente na BR-116 nas imediações de Itatim – BA.
1962, ano de eleição, em Itiruçu a disputa foi entre Valdeck Almeida (UDN), candidato do ex- prefeito Zé Bonfim e Josias Duarte (PSD), apoiado por Vivaldo Bastos e pelo ex-prefeito Geir Magalhães, tinha o povoado do Upabuçu como seu reduto eleitoral. Em um comício em Upabuçu, Josias percebeu certo desânimo no eleitorado, a incerteza da vitória era flagrante.
CONTINUE LENDO


COLUNA Êta lê lê



Êta lê lê Segunda-feira gorda do foguetório

Ao ter suas contas aprovadas por 7 a 2 na última sessão da Câmara de Vereadores da Boa Terra, o ex-prefeito Wagner Novaes era só alegria. Como os estampidos das bombas eram ouvidos nos quatro cantos da cidade, muitos ficaram imaginando o que teria acontecido:

"Quem chegou ou está indo para Bom Jesus da Lapa?";
"Hoje é festa de que Santo?";
"Aniversário de quem?";
"Quem tá jogando hoje?"

O que muitos não sabiam, era que a festa tinha um nome, Wagner Novaes. Este celebrava a vitória em casa, já que um pouco distante, 7 edis lhe dariam a honra de aprovar as suas contas públicas.

CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Para Gilmar Mendes, elogia Raquel Dodge e critica de Janot

Por: Redação Itiruçu Notícias - segunda-feira, 18 de setembro de 2017 - 0 Comentários


O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou nesta segunda-feira que "certamente" a nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge, vai revisar procedimentos que vinham sendo adotados pelo antecessor, Rodrigo Janot, para evitar "erros e equívocos".
"Certamente haverá revisões, não vou dar opinião sobre isso, mas certamente a procuradora-geral vai fazer uma reanálise de todos os procedimentos que estão à sua disposição de maneira natural ou provocada para certamente evitar erros e equívocos que estavam se acumulando", disse a jornalistas.
O comentário de Mendes, desafeto declarado de Janot, foi feito em uma segunda agenda pública que ele teve na manhã desta segunda. Antes, ele esteve presente na cerimônia de posse de Raquel Dodge na Procuradoria-Geral da República (PGR).
Mas uma vez o ministro se coloca de forma parcial diante das decisões do do ex-procurado da República, segundo o  ministro do STF, houve muitos "tumultos" e "desacertos" na gestão do ex-procurador-geral, citando o episódio da delação premiada dos executivos da J&F. Janot pediu que o acordo de dois colaboradores, Joesley Batista e Ricardo Saud,seja rescindido por omissão de informações.
Mendes afirmou que ocorreu na gestão passada uma certa trapalhada e perplexidade que resultaram em ineficiência do trabalho da PGR.
O ministro do STF disse ter a impressão de que Dodge vai dar continuidade ao trabalho de combate à corrupção, mas também colocará outros temas na agenda, como a defesa dos direitos humanos, a questão indígena e dos presos.
Para Mendes, que disse ter ficado "deveras impressionado" com o discurso dela, a nova procuradora-geral vai defender que as investigações sejam feitas dentro do devido processo legal.
"Esse era um dos questionamentos que havia e acho que ela deu uma boa resposta", avaliou o ministro  mas como político de que como defensor  das leis.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores