O Retorno: STF decide enviar denúncia contra Temer à Câmara - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


O Retorno: STF decide enviar denúncia contra Temer à Câmara

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 20 de setembro de 2017 - 0 Comentários


A presidente do do Supremo Tribunal Federal (STF ), abriu sessão que definir sobre o pedido da defesa do presidente Michel Temer de impedir o envio imediato da denúncia contra ele para a Câmara dos Deputados, fazendo  elogios e parabenizou a nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge. A ministra desejou que ela tenha espaço para ser feliz dentro da PGR e que contribua para que as instituições jurídicas do país contribuam em benefício dos brasileiros.
A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta quarta-feira, dia 20, rejeitar o pedido da defesa do presidente Michel Temer para impedir o envio imediato da denúncia contra ele, a segunda feita pela Procuradoria-Geral da República (PGR) para a Câmara dos Deputados e Temer deve ser julgado pela Câmara dos Deputados pela segunda vez..
Votaram contra o pedido de Temer seguido  o relator os Ministros Alexandre de Moraes, Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux,, Ricardo Lewandovki,Dias Toffoli .
Como era de espera apenas Gilmar Mendes discordou  de Fachin e acolheu questão de ordem da defesa de Temer o que não é nenhuma novidade.
O julgamento foi suspenso pela presidente do STF no final da tarde com o placar de 7 a 1, e será retomado nesta quinta-feira, dia 21, quando votarão os ministros Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e Cármen Lúcia
O pedido da defesa de Temer sustentava que seria necessário aguardar o fim das investigações sobre a suposta omissão de executivos da J&F em suas delações premiadas. A denúncia de Rodrigo Janot acusa o presidente de integrar organização criminosa e tentar obstruir a Justiça.
Na semana passada, nove ministros que participaram da sessão negaram outro pedido de Temer, para afastar o ex-procurador-geral Rodrigo Janot das investigações e anular seus atos no caso.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação