O Retorno: STF decide enviar denúncia contra Temer à Câmara - Itiruçu Notícias
Arrow
MENSAGEM DE ANO NOVO

Campanha


EDITORIAL

Viajando no tempo: do Jornal Itiruçu, evoluindo até o Itiruçu Notícias


O tempo urge e as memórias ficam, para revela a sua história. Recebi do amigo poeta Claudio Fernandes uma lembrança dos primeiros passos na área da informação. Na época não tinha internet, blogs, redes sociais, sites muito mesmo WhatsApp, mas já naquela época dávamos os primeiros passos na área da comunicação escrita. CONTINUE LENDO


COLUNISTAS

Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS EM 2017


O Retorno: STF decide enviar denúncia contra Temer à Câmara

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 20 de setembro de 2017 - 0 Comentários


A presidente do do Supremo Tribunal Federal (STF ), abriu sessão que definir sobre o pedido da defesa do presidente Michel Temer de impedir o envio imediato da denúncia contra ele para a Câmara dos Deputados, fazendo  elogios e parabenizou a nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge. A ministra desejou que ela tenha espaço para ser feliz dentro da PGR e que contribua para que as instituições jurídicas do país contribuam em benefício dos brasileiros.
A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta quarta-feira, dia 20, rejeitar o pedido da defesa do presidente Michel Temer para impedir o envio imediato da denúncia contra ele, a segunda feita pela Procuradoria-Geral da República (PGR) para a Câmara dos Deputados e Temer deve ser julgado pela Câmara dos Deputados pela segunda vez..
Votaram contra o pedido de Temer seguido  o relator os Ministros Alexandre de Moraes, Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux,, Ricardo Lewandovki,Dias Toffoli .
Como era de espera apenas Gilmar Mendes discordou  de Fachin e acolheu questão de ordem da defesa de Temer o que não é nenhuma novidade.
O julgamento foi suspenso pela presidente do STF no final da tarde com o placar de 7 a 1, e será retomado nesta quinta-feira, dia 21, quando votarão os ministros Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e Cármen Lúcia
O pedido da defesa de Temer sustentava que seria necessário aguardar o fim das investigações sobre a suposta omissão de executivos da J&F em suas delações premiadas. A denúncia de Rodrigo Janot acusa o presidente de integrar organização criminosa e tentar obstruir a Justiça.
Na semana passada, nove ministros que participaram da sessão negaram outro pedido de Temer, para afastar o ex-procurador-geral Rodrigo Janot das investigações e anular seus atos no caso.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif