Alagoinhas: Policiais Civis desistem de trabalhar no carnaval de 2018 - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : Eleições em Itiruçu

Eleições  serão realizada neste domingo dia 07 de outubro.  Se a mesma empolgação dos eleitores para as eleições do próximo domingo...


MAIS LIDAS DO MÊS


Alagoinhas: Policiais Civis desistem de trabalhar no carnaval de 2018

Por: Redação Itiruçu Notícias - quarta-feira, 13 de setembro de 2017 - 0 Comentários





Policiais Civis do município de Alagoinhas, da 2° COORPIN, nesta terça-feira(12),  assinaram  o "Requerimento de Desistência", para não trabalhar no carnaval baiano de 2018. A categoria protesta contra  os baixos valores das diárias e horas extras. No carnaval do ano passado, a diária foi de $114,00 e a hora extra  R$186,00. 

A categoria reivindica R$230,00 pelo pagamento da diária e R$ 450,00 equivalente a cada 12 horas extras. O SINDPOC esclarece que o Requerimento de Desistência não possui caráter de greve e paralisação.  Os servidores vão cumprir a carga horária normal de trabalho de 40horas semanais. O impasse gira em torno do cumprimento da escala do carnaval.
O Presidente do SINDPOC, Marcos Maurício, destaca que a  expectativa do movimento é que todos os policiais civis da Bahia assinem o Requerimento de Desistência." Vamos mostrar ao Governo do Estado que os valores das diárias e horas extras são reprovados pelos profissionais  que são responsáveis pela proteção da sociedade durante o carnaval", frisa.
O Vice-Presidente do SINDPOC, Eustácio Lopes, frisa que o Governo do Estado precisa dialogar com o sindicato  para iniciar o processo de negociação das pautas reivindicados pela categoria. "  Os policiais estão aderindo ao movimento porque entendem que essa situação da Polícia Civil precisa ser alterada! Não vamos trabalhar no carnaval se a gestão não negociar conosco!", garante Lopes.
ASCOM SINDPOC Jaqueline Barret0


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação