23º Grito dos Excluídos "Por direitos e democracia, a luta é todo dia” - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

23º Grito dos Excluídos "Por direitos e democracia, a luta é todo dia”

Por: Redação Itiruçu Notícias - quinta-feira, 31 de agosto de 2017 - 0 Comentários


O 23º Grito dos Excluídos com o lema "Por direitos e democracia, a luta é todo dia”, sob liderança da Conferencia Nacional Dos Bispos do Brasil - CNBB e apoiado pela Central  dos Trabalhadores do Brasil - CTB,  Central Única dos Trabalhadores - CUT, Pastorais e movimentos Católicos e Frente Brasil Popular, acontece em Itabuna com concentração no Jardim do "O"  a partir das 11 h., e também em quase todo país no dia 07 de setembro, deverá levar milhares às ruas durante a Semana da Pátria é construído por comitês religiosos, movimentos populares, sindicatos e organizações civis.
Segundo os organizadores, os temas refletem os objetivos da manifestação: denunciar a estrutura agressiva e excludente da sociedade e a perda de direitos dos trabalhadores. 
Ainda segundo a organização a frágil democracia brasileira sofreu um grande revés, a partir do golpe jurídico/parlamentar/midiatico, que levou Temer ao poder. Desde então os direitos direitos  da população estão sob ataque.
"Hoje, mais do que nunca, não podemos deixar morrer a esperança. Nosso desafio é manter a luta pela democracia e manutenção dos direitos sociais. Estamos nas ruas denunciando o desmonte da saúde e da educação, a terceirização e as reformas trabalhistas e da providencia. O Brasil poderá voltar a condição de colônia, Nosso patrimônio depredado e os  trabalhadores na condição de escravos assalariados." esclarece os organizadores.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS