Policial Civil é vítima de latrocínio no bairro da Liberdade - Itiruçu Notícias
Arrow
Cores da Saúde: Julho Amarelo alerta sobre câncer nos ossos



Passeio Cicloturismo de Itiruçu


EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Policial Civil é vítima de latrocínio no bairro da Liberdade

Por: Itiruçu Notícias - quinta-feira, 15 de junho de 2017 - 0 Comentários


O policial civil Luiz Santos de Jesus, 58 anos, foi vítima de latrocínio, na madrugada deste sábado(15). O  policial tinha acabado de sair de um evento com familiares em um veículo  HB20, placa OZR9473.
De acordo com informações das testemunhas, o veículo passava pela rua Lima e Silva, no bairro da Liberdade, em baixa velocidade, quando foram abordados por três homens que estavam a pé. As vítimas saíram do carr. Um dos assaltantes identificou Luiz Santos como policial civil e efetuou os disparos nas costas, região toráxica.
As vítimas deram entrada nesta madrugada, por volta das  2:57hs, no Hospital Ernesto Simões Filho, localizado no bairro do Pai Miúdo. Luiz Santos  não resistiu e  faleceu
O Presidente SINDPOC, Marcos Maurício, destaca que o Governo do Estado está de joelhos à bandidagem, mais um policial Civil foi vítima da violência na Bahia.  Segundo sindicalista, a Segurança Pública na Bahia é uma piada de mal gosto e a população vive cotidianamente em um "Estado de guerra".
" O Estado está  pedindo aos bandidos que não matem para melhorar a estatística. O  Secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, diz que a Bahia está ótima e que o Governo Federal está divulgando dados inverídicos na Pesquisa do IPEA. As pessoas estão todos os dias morrendo na Bahia vítimas da violência que só faz crescer! ", critica o Presidente do SINDPOC, Marcos Maurício.
ASCOM SINDPOC Jaqueline Barreto


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif



São Pedro 2018

Melhores momentos - Por Wilson Novaes