Presidente do SINDPOC é agredido pela PM no protesto de Brasília - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow

NOTÍCIA EM DESTAQUE

Motorista alcoolizado que provoca morte. Qual a punição?

O comportamento do brasileiro no trânsito encontra-se longe do recomendável. O número de motoristas que dirigem alcoolizados, inclusive...

Histórias que o Povo Conta

A história que o povo conta; O Retratista

Paulo Borges de Oliveira, natural de Castro Alves – BA, nascido em 18/11/1918, chegou em Itiruçu –BA, em 1950, foi comerciante juntamente com seu irmão Otávio (já falecido), na antiga rua da Lancha, hoje Moisés Almeida, mas, anos depois dedicou – se inteiramente a profissão de fotógrafo.
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

A Ganância e a Discórdia a felicidade dos invejosos

Aquele que semeia a discórdia é terrível. Não gosta de ver a paz reinar em canto algum, parece que se agonia com isso.

Qual o objetivo das pessoas que agem desta forma? Será que essa atitude provoca prazer em determinadas pessoas? Ou seria o ego de pessoas invejosas que se sentem felizes provocando infelicidades.

Fazendo minhas análises sobre certas atitudes humanas percebi que pessoas infelizes são as que mais disseminam discórdias e a maior delas sempre está relacionada com algum tipo de fofoca raivosa.

Aquela que numa simples palavra já se percebe o rancor interior de quem fez. E se estivermos perto de quem fez a fofoca raivosa nota-se no semblante da pessoa um certo alívio pela maldade que provocou ou até um sorriso nos lábios achando-se vitorioso...CONTINUE LENDO


MAIS LIDAS DO MÊS


Presidente do SINDPOC é agredido pela PM no protesto de Brasília

Por: Redação Itiruçu Notícias - quinta-feira, 25 de maio de 2017 - 0 Comentários


Nesta quarta-feira(24) policiais civis de   diversos Estados do país aderiram às manifestações, em  Brasília, para reivindicar a realização de Eleições Diretas e  protestar contra as Reformas da Previdência e Trabalhista.
O Presidente do SINDPOC na Bahia, Marcos Maurício, explica que o Projeto da Reforma da Previdência, proposto por Michel Temer, vai trazer prejuízos históricos à categoria.
Segundo o sindicalista, o Governo Federal alterou a idade de aposentadoria para 65 anos homens e 62 anos mulheres e aumentou o tempo de contribuição para 25 anos. " Estão desconsiderando que a Polícia Civil exerce atividade de risco! Não vamos aceitar esse desrespeito com a categoria!", frisou Marcos Maurício.
Durante a manifestação em Brasília, o Presidente do SINDPOC destacou que os policiais civis vão intensificar as manifestações e atos políticos contra o Governo Federal e Estadual. " Hoje vivemos uma cena de guerra! A PM avançou nas áreas destinadas aos manifestantes e agrediu mulheres, crianças, estudantes e policiais civis com bomba de gás lacrimogêneo e balas de borracha! Um verdadeiro atentado ao Estado Democrático e de Direito!", criticou Marcos Maurício. O sindicalista foi atingido pela Polícia Militar e encontra-se com lesões na região das costas.
Ascom SINDPOC Jaqueline Barreto


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores