Prefeito eleito renuncia cargo e irmão assume a prefeitura - Itiruçu Notícias
Arrow
Cores da Saúde: Julho Amarelo alerta sobre câncer nos ossos



Passeio Cicloturismo de Itiruçu


EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Prefeito eleito renuncia cargo e irmão assume a prefeitura

Por: Itiruçu Notícias - quinta-feira, 5 de janeiro de 2017 - 0 Comentários


O prefeito eleito no município de Belmonte, no extremo sul do estado, não tomou posse no último domingo (01/01) para manter o cargo de deputado estadual da Bahia. Essa não é a primeira vez que Jânio Natal (PRP) renuncia à prefeitura local. Ele esteve na gestão da cidade entre 1993 e 1996, como também entre 2000 e 2002. Em ambas as oportunidades, abandonou os mandatos antes do fim.
Com a renúncia do cargo, o vice-prefeito, Janival Andrade, assumiu a prefeitura. Ele é irmão do prefeito eleito, Jânio Natal. “A nossa proposta era Jânio prefeito e Janival participaria ativamente do governo na parte administrativa, mas a própria oposição chamou atenção para essa possibilidade de Jânio renunciar e ficar Janival prefeito. E nós paramos para pensar: ‘sabe que é uma boa?’. Então, resolvemos avaliar isso e concluímos que seria melhor para Belmonte ter um deputado e um prefeito do que apenas um prefeito”, afirma Janival Andrade.

O salário de prefeito de Belmonte é de R$ 15 mil e o de deputado estadual R$ 25.333. Jânio garante que a motivação da renúncia não foi financeira. “Se eu saio de deputado, Belmonte, Cabrália, Itapebi, Itagimirim, Eunápolis, Itabela, Teixeira [de Freitas], Itamaraju ficariam sem qualquer representação na Assembleia Legislativa”, defende Jânio Natal.
A decisão dividiu opiniões. “Ele fez tipo uma traição. Veio, ganhou, largou o irmão e foi embora”, defende o pescador Vanderlei Borges. Outro morador apoia a decisão. “Ele é deputado estadual e vai correr atrás de recursos para Belmonte”, diz o auxiliar de serviços gerais José Israel Santos.
Com a posse de Janival como prefeito, Belmonte não terá vice-prefeito e, na ausência dele, quem assume a prefeitura é o presidente da câmara, o vereador Aelson Matos.
Do G1 BA, com informações da TV Santa Cruz


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif



São Pedro 2018

Melhores momentos - Por Wilson Novaes