Ângelo Coronel espera apoio de Nilo para presidência da ALBA - Itiruçu Notícias | Você conectado à informação!
Arrow

Acesse e curta nossa FAN PAGE no Facebook



Colunas

O Seu Direito


EDITORIAL

A ideologia partidária deixada de lado

A ideologia partidária está se acabando a cada dia neste país, não tem como definir que é esquerda ou quem é Direita. Na política passa...


Versículos Bíblicos  



As Mais Clicadas da Semana

Ângelo Coronel espera apoio de Nilo para presidência da ALBA

Edição: Neto Oliveira - quarta-feira, 30 de novembro de 2016 - 0 Comentários

Depois da confirmação do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo (PSL),  que tentará reeleição pela quinta vez. O deputado agora já tem um adversário para concorrer ao poder máximo do legislativo baiano.
O deputado estadual Ângelo Coronel (PSD) já se colocou como alternativa para a vaga e acredita que pode reunir governo e oposição. A candidatura de Coronel foi confirmada após reunião com o presidente da sigla no estado, o senador Otto Alencar, nesta segunda (28), e garantiu já ter um pré-acordo com o PP  que tambem tem um candidato ao cargo que é o deputado Luiz Augusto mas que pode retirar a sua candidatura  dando apoio ao candidato do PSD.
Para o deputado do PSD, inclusive, o próprio Nilo pode mudar de ideia e ir para o seu lado. "Estou esperando inclusive o próprio Marcelo. Espero que ele vote comigo. Eu já votei cinco vezes com ele. Preciso agora que ele vote uma vez comigo. Ainda assim eu vou ficar com um crédito que quatro vezes. Eu espero isso", brincou.

Nilo havia dito, antes de se anunciar candidato, que apoiaria aquele que apresentasse o número suficiente de parlamentares ao seu lado. Coronel, contudo, minimiza e ri da sugestão: "Se ele apresentar uma lista com 32 nomes, aí poderemos conversar. Se ele diz que quer que a oposição a ele apresente uma lista com 32, eu espero que ele apresente também. Então é bala trocada".
"Essa candidatura não é contra a pessoa física do Marcelo. É contra a reeleição. Eu acho que o instituto da reeleição já é falido no Brasil. Eu acho que tem que acabar isso no poder Legislativo".  avaliou.
O deputado disse ainda que estaria disposto a abrir mão da própria candidatura caso haja consenso em um nome da base que faça oposição a Nilo. Esse nome poderia ser, inclusive, de seu colega de partido, Adolfo Menezes (PSD): "Não tem que ser o meu nome. Mas acredito que a Casa precisa de um novo presidente."
Informações Bahia Notícias


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Publicidade

 photo dra rita coacutepia_zpsxcdxnsbz.png

 photo gilmarblogif_zpsi4cfgiei.gif

COMPRE AQUI


Ou pelo WhatsApp:
(11) 98109 7241