Maracás produz 80% das flores do estado da Bahia - Itiruçu Notícias - Itiruçu e Região conectados com a informação
Arrow
HISTÓRIAS QUE O POVO CONTA

A história que o povo conta; O Retratista

Este veículo marcou época em Itiruçu, no final da década de 60 e início da década de 70. De cor provavelmente verde-escura e ano de fabricação 1954.
Estacionada em frente ao Grupo Escolar Francisco Mangabeira, atual Secretaria de Educação , tendo a bordo: ...
CONTINUE LENDO

EDITORIAL

Desejo de manter foco


Parece que está se tornando cada vez mais difícil nos concentrarmos numa única coisa por muito tempo. A sociedade moderna definitivamente tem nos levado a manter períodos curtos de atenção. Se assistirmos qualquer programa de tevê ou filme, vamos notar como as coisas se movem rapidamente e o ritmo acelerado do enredo. Um comercial típico de tevê muda as imagens a cada poucos segundos, às vezes menos. A lógica é: se não capturarmos a atenção do indivíduo imediatamente. ele vai se voltar para outra coisa.
Com tantas coisas competindo por nossa energia mental, que vão da Internet passando pelas mensagens de texto e e-mails, é de admirar que ainda sejamos capazes de concentrar o foco em alguma coisa.
...CONTINUE LENDO
VERSÍCULOS BIBLÍCOS
BÍBLIA!
PARE! LEIA! REFLITA! PRATIQUE!
CLIQUE AQUI

Maracás produz 80% das flores do estado da Bahia

Por: Itiruçu Notícias - quinta-feira, 22 de setembro de 2016 - 0 Comentários


O municipio de Maracás, na região sudoeste, tem a maior produção de flores do estado e espera aumentar a produção com nova estação, que se inicia nesta quinta-feira(22).
Com a chegada da nova estação o municipio vive a expectativa alavancar a produção de flores
A produção de flores no município, conhecido como a "capital das flores", corresponde a 80% do que é produzido em toda o estado e gera empregos para muitas famílias.
Com um clima favoreceu o cultivo de várias espécies de folhagens, rosas e flores como a aster, bastante usada para confecção de arranjos. Com uma altitude a quase mil metros o clima frio é propicio a produção de flores e rosas, chegando a um área de cerca  50 hectares ocupada por plantação de rosas, flores e folhagens,  em  época da colheita.
Segundo informações  da Secretaria de Agricultura, cerca de 500 pessoas trabalham diretamente com a atividade. Em média, cada empregado recebe de R$ 800 a R$ 1 mil por mês. 
Maracas fornece   flores e rosas a cerca de 29 cidades baianas como Salvador, Guanambi, Ilhéus, Itabuna, Caetité  entre outras. As flores também são destinadas a outros estados.
Imagem reprodução



Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Colaboradores






MAIS LIDAS DO MÊS