Veto a burquíni nas praias das França gera polêmica - Itiruçu Notícias
Arrow
Campeonato Brasileiro Serie C - Juazeirense x Remo Ao Vivo

Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Veto a burquíni nas praias das França gera polêmica

Por: Itiruçu Notícias - - sexta-feira, 26 de agosto de 2016 - 0 Comentários


A polêmica atravessou fronteiras. A decisão de cerca de 20 municípios da França de proibir o burquíni - maiô que tapa todo o corpo e cabeça de mulheres muçulmanas - em praias fez esquentar o debate sobre direitos e liberdade individual mundo afora.
A discussão na imprensa e nas redes sociais foi intensificada depois de uma sequência de fotos acabar gerando controvérsia.
As imagens capturadas em uma praia em Nice mostram três policiais uniformizados e armados questionando uma mulher que usa um véu que cobre sua cabeça e braços, além de camisa calça legging. Eles a obrigam a desfazer das roupas, e a última das imagens mostra a mulher levantando o manto.
Fontes ligadas à prefeitura de Nice disseram ao jornal francês Le Monde que a mulher tirou o manto para mostrar aos policiais que vestia uma camiseta. Ainda assim, os oficiais disseram que ela tinha que usar um maiô convencional ou sair da praia. Ela acabou indo embora.
A cena ocorreu em um local perto da Promenade des Anglais, onde, em julho, um extremista jogou um caminhão contra uma multidão e matou mais de 80 pessoas que comemoravam o Dia da Bastilha.
O vice-prefeito de Nice, Rudy Salles, disse à BBC que a proibição dos burquínis se tornou uma necessidade por razões de segurança, em especial depois dos ataques.
Ainda que a mulçumana que aparece na foto não tenha sido obrigada a tirar toda a roupa que tapava o corpo inteiro, como observou o Le Monde, a ação policial na praia provocou "indignação" na imprensa internacional, especialmente nos veículos anglo-saxônicos. Gerou ainda muitas críticas do chamado "secularismo francês" - a separação rígida entre religião e Estado.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif