Bahia tem abertura para novas operações de crédito - Itiruçu Notícias
Arrow
MENSAGEM DE ANO NOVO

Campanha

EDITORIAL

Viajando no tempo: do Jornal Itiruçu, evoluindo até o Itiruçu Notícias


O tempo urge e as memórias ficam, para revela a sua história. Recebi do amigo poeta Claudio Fernandes uma lembrança dos primeiros passos na área da informação. Na época não tinha internet, blogs, redes sociais, sites muito mesmo WhatsApp, mas já naquela época dávamos os primeiros passos na área da comunicação escrita. CONTINUE LENDO

COLUNISTAS

Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS EM 2017


Bahia tem abertura para novas operações de crédito

Por: Itiruçu Notícias - - quarta-feira, 29 de junho de 2016 - 0 Comentários

Presidente da Comissão de Finanças, Orçamento, Fiscalização e Controle da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Alex Lima (PTN) comentou o fato de a Bahia ter recebido do Tesouro Nacional a melhor nota do Nordeste e a terceira melhor do país no que diz respeito à capacidade de pagamento de dívidas e outros compromissos. Para o parlamentar, o confortável perfil de endividamento da Bahia abre caminhos para novas operações de crédito, fundamentais para a continuidade dos investimentos em infraestrutura mantidos pelo Estado na capital e no interior. “A Bahia vai na contramão de grandes estados que tem enfrentado problemas financeiros. A dívida corrente líquida do Estado equivale a 54% da receita corrente líquida, enquanto alguns dos grandes estados já estão próximos ou acima do limite máximo de 200%, estipulado pela Lei de Responsabilidade Fiscal. Isso permite novas operações financeiras para dar continuidade aos investimentos já iniciados”, afirmou.

Com conceito (B) obtido após avaliações técnicas do Tesouro Nacional, a Bahia ficou abaixo apenas de Pará (A-) e Tocantins (B+), ganhando destaque nacional diante da boa saúde fiscal. Para Alex Lima, o perfil de endividamento da Bahia é reflexo de uma gestão madura e consciente desenvolvida pelo governador Rui Costa e o secretário da Fazenda, Manoel Vitório. “Como presidente da Comissão de Finanças, acompanho o controle dos gastos do estado e sei que apesar da queda da receita a Bahia tem conseguido manter os compromissos e dar continuidade aos projetos. O governador e o secretário da Fazenda têm demonstrado capacidade de gerenciamento e a nota recebida no ranking do Tesouro é apenas o retorno destas boas ações”, disse o deputado
Informações
Daniela Pereira/
Juliana Rodrigues


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif