Seul e Washington simulam envio de tropas em caso de guerra - Itiruçu Notícias Estamos com um pequeno problema técnico em nosso portal no slider inicial da pagina, que já estamos procurando resolver o mais rápido possível. Grato pela compreenção

Arrow
MENSAGEM DE ANO NOVO

Campanha

EDITORIAL

Viajando no tempo: do Jornal Itiruçu, evoluindo até o Itiruçu Notícias


O tempo urge e as memórias ficam, para revela a sua história. Recebi do amigo poeta Claudio Fernandes uma lembrança dos primeiros passos na área da informação. Na época não tinha internet, blogs, redes sociais, sites muito mesmo WhatsApp, mas já naquela época dávamos os primeiros passos na área da comunicação escrita. CONTINUE LENDO

COLUNISTAS

Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS EM 2017


Seul e Washington simulam envio de tropas em caso de guerra

Por: Itiruçu Notícias - - sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016 - 0 Comentários





A Coreia do Sul e os Estados Unidos (EUA) realizaram hoje (19) um exercício para agilizar o envio de tropas norte-americanas em caso de guerra, em meio a momentos de tensão com a Coreia do Norte devido aos ensaios nuclear e de mísseis.

Na manobra conjunta, os soldados simularam uma situação de guerra em que era necessário proporcionar apoios pertinentes para o envio urgente de soldados dos Estados Unidos para a península coreana, confirmou um representante do Ministério da Defesa de Seul à agência EFE.

Os dois países fazem exercícios como esses com regularidade há mais de duas décadas, mas atualmente as ações têm particular importância, pois a Coreia do Sul e os Estados Unidos intensificam a pressão política e militar sobre a Coreia do Norte.

Os dois aliados ampliaram e intensificaram suas manobras militares na Coreia do Sul e destacaram mais armamento – incluindo quatro caças F-22 Raptor norte-americanos e um submarino de propulsão nuclear – depois dos últimos avanços da Coreia do Norte no domínio da tecnologia nuclear e de lançamento de mísseis.

A Coreia do Norte fez o quarto ensaio nuclear em 6 de janeiro e um mês depois anunciou o lançamento para o espaço do seu segundo satélite, uma operação considerada, porém, um teste encoberto de mísseis balísticos, o que violaria as resoluções da Organização das Nações Unidas (ONU).

Enquanto se aguarda que o Conselho de Segurança da ONU decida as sanções a aplicar, o Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, promulgou na quinta-feira (18) uma lei que prevê a imposição de mais sanções, de forma unilateral, contra a Coreia do Norte.

Essas sanções, que incluem o confisco de bens, a proibição de vistos e a recusa de contratos públicos norte-americanos, visam a qualquer pessoa ou a empresa que ajude o regime norte-coreano, principalmente na aquisição de materiais para produzir armas de destruição em massa.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif