Maracás: Prefeitura anuncia fechamento de 10 escolas - Itiruçu Notícias
Arrow

Acesse e curta nossa FAN PAGE no Facebook




Anuncie aqui seu evento! Apoio cultural Itiruçu Notícias


Campanha


As mais visitadas


Colunistas

O Seu Direito

Êta, Lê, Lê


Utilidade Pública


CENIPA

PM

Maracás: Prefeitura anuncia fechamento de 10 escolas

Edição: Itiruçu Notícias - - quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016 - 0 Comentários


O município de Maracás fechará 10 das 43 escolas da rede municipal de ensino a partir do dia 1 de março, quando começa o ano letivo em Maracás. Segundo informações do Blog Marcos Frahm o prefeito Paulo dos Anjos (PT),  e a secretária de Educação, Ana Maria da Fonseca confirmaram o fechamento das escolas, quando participavam da abertura da Jornada Pedagógica 2016.
 A decisão ainda segundo as informações  a mudança foi  determinada pelo prefeito, que depois do Censo realizado pelo IBGE e divulgado em 2015, o município teve um decréscimo populacional,  representando uma perda média mensal de receitas de cerca de R$ 230 mil.
”Infelizmente, não vamos ter como colocar todas as escolas em funcionamento. Essa contagem do IBGE, que nós estamos contestando na justiça, até porque é um resultado injusto, prejudicou a todos nós, de Maracás, mas eu acredito em Deus e na justiça que nós vamos reverter essa situação. Estamos aguardando a resposta do IBGE, que deixou Maracás com 23.751 habitantes em dois anos, enquanto antes era de 25 mil habitantes e, mesmo o município ganhando territórios, não teve êxito em número de habitantes na estimativa do IBGE, que deve explicar essa situação”, justificou o prefeito. 
O prefeito Paulo dos Anjos ainda revelou ao blog que a Prefeitura está há três meses sem os repasses da contribuição financeira pela exploração de recursos minerais no município através da Vanádio Maracás. ”A mineradora é uma grande parceira de Maracás, apesar de que estamos com três meses sem receber CFEM e o ICMS, mas teremos uma reunião com os representantes da empresa para resolver essa questão”, revelou. Os repasses chegam a R$ 200 mil reais, conforme disse o alcaide.
Os alunos serão transferidos para unidades próximas e os prédios permanecerão sem funcionar até que o processo judicial que envolve a Prefeitura e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) tiver decisão final.
 Foto Itiruçu Notícias




Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Publicidade

 photo dra rita coacutepia_zpsxcdxnsbz.png

 photo gilmarblogif_zpsi4cfgiei.gif
COMPRE AQUI

Ou pelo WhatsApp:
(11) 98109 7241